thumbnail Olá,

Como o seu time se comporta na reta final do Brasileirão? Em especial de 3 dias, Goal analisa o histórico das grandes equipes nas 5 rodadas finais. É a vez dos times paulistas.

POR THALES MACHADO

O DESEMPENHO NA RETA FINAL
(Desempenho somado nas últimas cinco rodadas nos Brasileirões de 2009 a 2011)
TIME

1. Flumin.
2. Cruzeiro
3. Corinthians
4. Inter
5. Flamengo
6. Grêmio
7. Vasco*
8. São Paulo
9. Santos
10. Palmeiras
11. Atlético
12. Botafogo

Jogos


15
15
15
15
15
15
10
15
15
15
15
15


Pontos

33
32
30
30
23
23
15
21
18
16
16
15

AP

73,3%
71,1%
66,6%
66,6%
51,1%
51,1%
50,0%
46,6%
40,0%
35,5%
35,5%
33,3%
Cinco rodadas. Quinze pontos. 450 minutos. Eis o que chamamos de reta final do Brasileirão, que começa na próxima Quinta, quando se inicia a 34ª rodada do Brasileirão. Antes disso, um importante Flamengo x Galo ainda pela 33ª nos revelará um pouco mais a cara das emocionantes rodadas finais. Os últimos três Campeonatos Brasileiros ficaram marcados por rodadas finais emocionantes, com times surpreendendo para o bem e para o mal. Goal.com consultou os arquivos de 2009 para cá e, em um especial de três dias, mostra dados curiosos acerca do desempenho dos principais clubes brasileiros na reta final do campeonato. Será que o seu time costuma amarelar nas rodadas finais? Ou será que ultimamente ele vem sendo aquilo que chamamos de times de “chegada”?

Hoje é dia de analisarmos o desempenho dos clubes paulistas nas rodadas finais do Brasileirão. Como dito, foram usados dados dos últimos três campeonatos: 2009, 2010 e 2011. Amanhã analisaremos os clubes cariocas e por fim, na Quarta, mineiros e gaúchos. Descubra assim quem está mais propenso para subir ou descer degraus nos cinco jogos que restam da temporada atual.

Corinthians RETA FINAL QUE POUCO IMPORTA

Da 3ª posição até a 16ª. Pouco importa para o Corinthians o que vai fazer e onde vai ficar neste Brasileirão. Sem chances de título ou rebaixamento, já garantido na Libertadores do ano que vem, o Japão está muito mais perto do que o Brasil na cabeça do torcedor e dos jogadores corintianos. Mesmo assim, se repetir o desempenho em anos anteriores, tudo indica que o Timão galgará uma posição respeitável no Brasileirão 2012.

Dos grande paulistas, o Corinthians é o que melhor teve desempenho em rodadas finais do campeonato de 2009 para cá. Foram 30 pontos em 45 disputados nas cinco rodadas finais de 2009, 2010 e 2011. Se em 2009 o aproveitamento nos jogos finais foi ruim (40%), em 2010 e 2011 o Timão teve aproveitamento de campeão. Em 2010 o time fez 11 dos 15 pontos, o que não foi suficiente para evitar que caísse cair da 2ª para a 3ª posição, quando o Fluminense ficou com o título e o Cruzeiro com o vice.
 OS JOGOS QUE FALTAM
ATLÉTICO-GO
CORITIBA
INTERNACIONAL
SANTOS
SÃO PAULO
Fora
Casa
Fora
Casa
Fora


Em 2011, o time comandado por Tite venceu quatro jogos e empatou na reta final, garantindo assim, o título brasileiro. Tal desempenho é um dos melhores nos três anos. 

A grande questão para o Timão é que a cabeça já não está mais no Brasileiro. Resta seguir exemplos do passado, com times que disputariam o Mundial e passaram pela reta final do Brasileiro. Em 2010, o Internacional fez campanha razoável na reta final, com 53% de aproveitamento. O Santos, ano passado, se preparando para enfrentar o Barcelona, foi um pouco pior: 40% de aproveitamento

São Paulo PRECISA MELHORAR

Selección Argentina

Favorito à conquista da 4ª vaga para a Libertadores da América, o São Paulo precisa ficar atento para não perder fôlego na reta final, como vem fazendo nos últimos anos,  sempre na briga por uma das vagas no torneio continental. A média do desempenho do Tricolor Paulista é baixa nas rodadas finais: cerca de 47% de aproveitamento quando chegam os jogos decisivos.

 JOGOS QUE FALTAM
FLUMINENSE
GRÊMIO
NÁUTICO
PONTE PRETA
CORINTHIANS
Casa
Fora
Casa
Fora
Casa
Em 2009, o time chegou à 34ª rodada na vice liderança, brigando pelo título. Os oito pontos perdidos nas cinco rodadas finais acabaram com o sonho do Tetra seguido, e fizeram o time cair para a 3ª posição, garantindo vaga na Libertadores. No ano seguinte o time estava em 7º, brigando por uma vaga no G-4. Foram só cinco pontos conquistados em cinco rodadas, caindo para a 9ª posição, pior do time nos últimos anos. Ano passado o tricolor paulista foi melhor, conquistando nove dos 15 pontos disputados e subindo de posição. Mesmo assim, o 6º lugar foi insuficiente para uma vaga no G-4.

Com 8 pontos de vantagem do 5º colocado, o São Paulo não precisa de um desempenho espetacular para se garantir na Libertadores. Duas vitórias e dois empates já bastam para garantir a volta à competição internacional. Só não pode amarelar.

Santos PIORANDO UM PONTO POR ANO

Selección Argentina

 JOGOS QUE FALTAM
CRUZEIRO
ATLÉTICO-GO
FIGUEIRENSE
CORINTHIANS
PALMEIRAS
Fora
Fora
Casa
Fora
Casa
O Santos pouco disputa neste Brasileirão. Com xx pontos, em xx lugar, o time não cai, nem pretende mais chegar ao G-4. As cinco rodadas finais, portanto, serão pouco decisivas para o time de Muricy.

No retrospecto, a cada ano, o time da Vila vem vendo o seu desempenho cair um ponto por ano. Nas cinco rodadas finais de 2009, foram sete pontos. Seis em 2009 e cinco em 2010. Este ano, mesmo que faça só quatro pontos nos quinze a disputar, o Santos se livra do rebaixamento. Mesmo que faça os 15, no entanto, dificilmente consegue participar de mais uma Libertadores da América. A média de pontos conquistados nas últimas cinco rodadas dos últimos três Brasileirões do Santos é de 40%, a 4ª pior entre os 12 maiores times do país.

Palmeiras NA RETA FINAL DO DESESPERO
Selección Argentina

 JOGOS QUE FALTAM
BOTAFOGO
FLUMINENSE
FLAMENGO
ATLÉTICO-GO
SANTOS
Casa
Casa
Fora
Casa
Fora
Com média de aproveitamento de 35,5%, apenas 16 pontos conquistados em 45 disputados contando as rodadas finais dos últimos Brasileiros, o Palmeiras tem o 11º desempenho entre os 12 times de maior torcida no Brasil. O torcedor palmeirense não esquece 2009, quando o time era líder do campeonato faltando cinco rodadas para o fim. Sob o comando de Muricy Ramalho, o time só fez três pontos nas rodadas finais, caindo para a 5ª posição, ficando de fora até do G-4 e da Libertadores.

Em 2010 o Alviverde se manteve na 10ª posição nas últimas cinco rodadas, mas viu novamente o desempenho cair nas rodadas finais (27% de aproveitamento). Ano passado, com desempenho pífio em todo campeonato, o time reagiu nas rodadas finais e escapou de uma briga mais sofrida contra o rebaixamento (60% de aproveitamento nas rodadas finais).

Em 2012, o Palmeiras entra nas rodadas finais na zona de rebaixamento. A obrigação é não amarelar para a coisa não ficar preta.

Relacionados