thumbnail Olá,

Focado somente na competição nacional, Timão tenta seguir evoluindo para chegar as rodadas finais em condições de brigar pelo título

POR FERNANDO H. AHUVIA - DIRETO DE SÃO PAULO

Depois de ter deixado as primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro para trás durante a Copa Libertadores, o Corinthians voltou o foco para o Brasileirão. Os últimos resultados da equipe alvinegra fizeram com que o torcedor passasse a acreditar no bicampeonato. A tarefa, contudo, não é fácil. Desde que a competição passou a ser disputada na fórmula de pontos corridos, nenhum time conquistou o título continental e nacional na mesma temporada.

Para manter o Corinthians em recuperação no Campeonato Brasileiro, Tite tem criado algumas pequenas metas para os jogadores.

Colocando pequenas metas, eu consigo 'incendiar' e cutucar o orgulho próprio dos jogadores, para que a equipe cresça na competição. Temos de recuperar o início que tivemos, estamos em um processo de recuperação atrasado. Subindo na tabela, vamos criar o tesão para chegar lá na frente. É uma fase de crescimento.

Desempenho no Brasileirão durante a Libertadores

PRIMEIRAS SEIS RODADAS
20/5
Corinthians 0 x 1 Fluminense
27/5
Atlético-MG 1 X 0 Corinthians
07/6
Corinthians 1 x 1 Figueirense
10/6
Grêmio 2 x 0 Corinthians
17/6
Ponte Preta 1 x 0 Corinthians
24/6
Corinthians 2 x 1 Palmeiras
Até a conquista inédita da Copa Libertadores da América, o desempenho do Corinthians no Brasileirão era preocupante. Com a cabeça na competição sul-americana, o Timão atuou com os reservas e se manteve na zona de rebaixamento nas seis primeiras rodadas.

Nesse período, o time alvinegro conquistou apenas 22,2% dos pontos disputados. Foram apenas quatro pontos ganhos em 18 disputados, com uma vitória, um empate e quatro derrotas.

Desempenho no Brasileirão depois do título da Libertadores

ÚLTIMAS SEIS RODADAS
08/7
Sport 1 x 1 Corinthians
11/7
Corinthians 1 x 3 Botafogo
14/7
Corinthians 2 x 1 Náutico
18/7
Flamengo 0 x 3 Corinthians
21/7
Corinthians 1 x 1 Portuguesa
25/7
Corinthians 2 x 0 Cruzeiro
Depois que venceu a Libertadores, o Corinthians já disputou seis partidas. Ainda com o time reserva, a equipe empatou em 1 a 1 com o Sport. A partir daí, Tite voltou a colocar em campo força máxima e, desde então, o time de Parque São Jorge acumulou três vitórias, um empate e uma derrota.

Levando em conta as últimas cinco partidas, o Timão conquistou dez dos 15 pontos disputados, um aproveitamento de 66%. Além disso, o ataque evoluiu bastante e a defesa voltou a passar jogos sem ser vazada.

Com esse rendimento, o Corinthians dividiria a quarta posição da competição com o Grêmio. No entanto, a realidade é que o Timão ainda está longe da briga pela liderança, com 16 pontos abaixo do líder Atlético-MG.

Até onde o Corinthians pode chegar?

A primeira meta estipulada por Tite, o Corinthians já conseguiu alcançar. Os resultados das últimas rodadas distanciaram o Timão da zona de rebaixamento. Agora, o comandante alvinegro quer que o time termine o primeiro turno entre os dez primeiros colocados.

Pensando mais a frente, nove pontos separam o Corinthians do G-4. Segundo Tite, será preciso manter o desempenho atual para que o Timão chegue as rodadas finais em condições de brigar pelo sexto título nacional.

Para que a equipe consiga alcançar os objetivos traçados, é preciso se focar no Brasileirão e esquecer um pouco do Mundial de Clubes. O Corinthians precisa estar bem na competição nacional para que consiga manter seu padrão de jogo até dezembro.


"(O Mundial) só entra em pauta quando chegar faltando sete, oito rodadas. Esse vai ser o marco. Aí é que veremos quem vai disputar título, quem vai cair"


- Tite 

Relacionados