thumbnail Olá,

Além dos três pontos, vitória sobre o Bahia no último Domingo trouxe fim de jejum de nove meses sem vencer fora do Rio. Confira o jejum detalhado, e o caminho do Fla como visitante

POR THALES MACHADO

E o Flamengo venceu fora de casa pela primeira vez neste Brasileirão. A comemoração, todos viram, foi enfática. Muita vibração em Pituaçu logo após o jogo porque o time venceu com um a mais, porque o time, em crise, necessita de vitórias como aquela, mas, principalmente, porque foi a primeira vitória do Flamengo fora do estado do Rio de Janeiro em nove meses. Jejum encerrado,  hora de pensar na importância das vitórias fora de casa e planejar os próximos jogos para que os três pontos de Domingo possam se repetir por muitos outros. Vale lembrar, foi a primeira vez que Joel Santana pode comemorar uma volta para casa com vitória treinando o Mengão.

Os nove meses sem vencer


Desde que venceu o Ceará em Fortaleza por 1 a 0, gol de Deivid, em 15 de Outubro de 2011, o Flamengo ficou sem vencer fora do Rio. “Gestação” perfeita de nove meses, reencontrou a vitória no dia 15 de Julho de 2012, 2 a 1 no Bahia, gols de Hernane e Renato Abreu. No período foram 11 jogos sem a vitória por quatro competições diferentes (Brasileirão 2011, Sul-Americana 2011, Libertadores 2012 e Brasileirão 2012). O Fla venceu “fora” no Carioca, contra Resende,  Duque de Caxias, Friburguense, em campo neutro e Volta Redonda no estádio do time visitante, mas em um campo que o Fla está acostumado a jogar, com maioria de torcida.

Nos onze jogos até a vitória de Domingo, foram sete derrotas e quatro empates. Conclusão matemática: nos últimos nove meses, fora do Rio, o Fla teve um mísero aproveitamento de 12,1%. Muito pouco para um time que almeja títulos. Com a vitória sobre o Bahia, o índice aumentou para 19,4%. Nos onze jogos, onze gols marcados, que não seriam tão ruins não fossem os 21 sofridos.

OS NOVE MESES | Onze jogos sem vencer fora do estado do Rio de Janeiro
Local
Jogo
Competição
Santiago, Chile La U 1x0 Flamengo
Sul-Americana 2011
Olímpico, Porto Alegre Grêmio 4x2 Flamengo
Brasileirão 2011
Couto Pereira, Coritiba Coritiba 2x0 Flamengo
Brasileirão 2011
Serra Dourada, Goiânia Atlético-GO 0x0 Flamengo
Brasileirão 2011
Potosí, Bolívia Real Potosí 2x1 Flamengo
Libertadores 2012
Buenos Aires, Argentina Lanús 1x1 Flamengo
Libertadores 2012
Assunción, Paraguai Olimpia 3x2 Flamengo
Libertadores 2012
Guayaquil, Equador Emelec 3x2 Flamengo
Libertadores 2012
Ilha do Retiro, Recife Flamengo 1x1 Sport
Brasileirão 2012
Campinas        Ponte Preta 2x2 Flamengo
Brasileirão 2012
Porto Alegre       Grêmio  2x0 Flamengo
Brasileirão 2012


E se a história tivesse sido diferente...

...no Brasileirão 2011

O Flamengo, 4º colocado no Brasileirão do ano passado, foi bem como visitante. Fez a 5ª melhor campanha entre os 20 clubes, com 47% de aproveitamento. No fim do campeonato, no entanto, vacilou. Foi apenas um ponto nos últimos três jogos fora de casa. Tivesse vencido Grêmio, Coritiba e Atlético-GO, o time chegaria a última rodada com chances de ser campeão.

...na Copa Sul-Americana 2011

Pouco adiantaria. O calcanhar de Aquiles do Fla na competição continental no ano passado foi a derrota dentro de casa por 5 a 0 para a Universidad do Chile. Fora de casa, perdeu por 1 a 0, mas precisaria vencer por muito mais se quisesse passar pela primeira fase.

...na Libertadores 2012

Pode se afirmar categoricamente, que foram os maus resultados fora de casa que eliminaram o Flamengo da Libertadores ainda na fase de grupos. Além da derrota para o Real Potosí na Pré-Libertadores, o time só fez um ponto fora dos seus domínios na competição. Dentro de casa, os sete pontos conquistados não foram suficientes. Tivesse o Fla conquistado apenas mais um empate fora do Brasil, o time passaria para as Oitavas de Final na competição e poderia mudar o seu destino na Libertadores, que acabou ficando com o Corinthians.

...no Brasileirão 2012

Em nono lugar com 15 pontos ganhos, o Flamengo é o 4º melhor mandante do campeonato até aqui, mas figura apenas como o 9º melhor visitante. Dos 15 pontos, só um terço foi fora de casa, com a vitória contra o Bahia e dois empates, contra Sport e Ponte Preta.
Se tivesse conquistado apenas dois pontos a mais, o Fla poderia figurar no G-4, e a poucos pontos do líder Atlético-MG.


Hora de mudar a escrita

O Flamengo sabe que o fim do jejum tem que significar o fim da história de não vencer fora de casa. Se daqui em diante, o time ficar mais 9 meses sem vencer fora do Rio, por certo que não atingirá nenhum objetivos e que correrá riscos no Brasileirão. A importância dos pontos como visitante já foi demonstrada aqui, mas não custa reafirmar com algumas estatísticas.
O Flamengo de 2011, por exemplo, só conseguiu a vaga na Libertadores porque conseguiu 27 dos seus 61 pontos jogando em outros estados. Foram seis vitórias, nove empates e apenas  quatro derrotas.  Em 2009, quando campeão brasileiro pela última vez, foram 26 pontos conquistados em sete vitórias e cinco empates.

O Campeonato Brasileiro entrou, na última semana, na fase decisiva em que os times, jogando um jogo durante a semana e outro no fim de semana, começam a decidir seu destino e onde vão brigar nas rodadas finais. A tabela do Fla prevê um jogo em casa e outro fora ordenadamente, por várias rodadas. Nas próximas seis, por exemplo, serão três fora de casa, nas principais capitais do país, um em Minas Gerais (Cruzeiro), um em São Paulo (São Paulo F.C.) e o último em Florianópolis (Figueirense).
Os números mostram, o time sabe e a torcida espera que, nos próximos confrontos, além do dever de casa, o Fla possa fazer algo mais para ter o que comemorar em 2012. Os números, no entanto, mostram que a missão será difícil.

Confira as estatísticas do Fla fora de casa contra os próximos adversários que o time de Joel enfrentará como visitante.

CRUZEIRO | Independência, Belo Horizonte - 22/7 - 16h

FORA DE CASA, PELO BRASILEIRÃO
Vitórias 5
Derrotas 10
Empate 7
JOGOS
Última vitória 1x0, pelo Brasileirão de 2011
Última derrota 0x1, pelo Brasileirão de 2010
Retrospecto em casa 10 vitórias, 10 derrotas e 4 empates.


São Paulo | Morumbi, São Paulo - 29/7 - 16h

FORA DE CASA, PELO BRASILEIRÃO
Vitórias 5
Derrotas 14
Empate 8
JOGOS
Última vitória 2x1, pelo Brasileirão de 2011
Última derrota 2x0, pelo Brasileirão de 2010
Retrospecto em casa 11 vitórias, 6 empates e 5 derrotas


FIGUEIRENSE | Orlando Scarpelli, Florianópolis - 8/8 - 19h30

FORA DE CASA, PELO BRASILEIRÃO
Vitórias 3
Derrotas 3
Empate 3
JOGOS
Última vitória 3x2, pelo Brasileirão de 2008
Última derrota 4x0, pelo Brasileirão de 2007
Retrospecto em casa 2 vitórias, 2 empates e 3 derrotas.

Relacionados