thumbnail Olá,

Apesar de disputarem ao mesmo tempo a Liga dos Campeões e o Campeonato Espanhol, Real e Barça possuem elenco suficiente para serem apontados favoritos nos dois torneios

Após o superclássico deste sábado, Real Madrid e Barcelona terão mais quatro rodadas para definir quem será o campeão espanhol 2011-12. Independente do resultado, o time de Madrid ainda dependeria só de si para faturar a Liga. Para o Barça, é fundamental uma vitória sobre os merengues, no Camp Nou, pois daqui pra frente, a tabela se apresenta mais fácil aos madrilenhos.

Abaixo, uma análise dos próximos jogos das duas equipes:

REAL MADRID

http://u.goal.com/179200/179252hp2.jpg

Sevilla (casa)

Os adversários não são mais os mesmos das últimas temporadas. A equipe está na zona intermediária e dificilmente chegará na zona de Liga dos Campeões. Oportunidade para o Real manter a liderança.


Athletic Bilbao (fora)

O confronto fora de casa é teoricamente o mais complicado para os merengues até a reta final. Porém, o Athletic Bilbao poderá estar com suas atenções voltadas às finais da Liga Europa. Vai depender de como estará o ânimo da equipe Bazca até o duelo.


Granada (fora)

Correndo risco de rebaixamento, o Granada é um adversário tranquilo para o Real, apesar da partida ser fora de casa. O time de Cristiano Ronaldo tem qualidade superior sobre os rivais. Mas é bom lembrar que o próprio Granada complicou a vida do Barça, em pleno Camp Nou, em que chegou a empatar a partida em 2 a 2, só que depois não conseguiu segurar, perdeu por 5 a 3.


Mallorca (casa)


Se mantiver na frente, após o duelo contra o Granada, o Real Madrid tem tudo para comemorar o título espanhol com a torcida no Santiago Bernabeu, em confronto contra o Mallorca, que ocupa a zona intermediária da tabela, sem risco de rebaixamento e de vaga em competições europeias. Oportunidade para faturar a Liga Espanhola.


BARCELONA

http://u.goal.com/177000/177074hp2.jpg

 Rayo Vallecano (fora)


Apesar da partida ser fora de casa, o Barça dificilmente terá problemas para derrotar o Rayo Vallecano. O adversário tem possibilidade mínima de cair à segunda divisão e não alcançará nenhuma competição europeia na próxima temporada.


Málaga (casa)

O Málaga será o primeiro dos dois próximos jogos teoricamente "perigosos" aos culés. A boa campanha do time de Júlio Baptista, com chances reais de vaga na Liga dos Campeões da Europa é o motivo para tal cuidado. No Camp Nou, Messi e companhia são favoritos, mas é bom abrir o olho.


Espanyol (casa)

O outro confronto "perigoso" é contra o rival da cidade, o Espanyol. No primeiro turno, o adversário conseguiu empatar com o Barça. A normalidade é vencer a partida, mas por ser o clássico de Barcelona, existe a possibilidade do duelo ser complicado.


Betis (fora)

A última rodada para a equipe de Guardiola será longe de seus domínios. O Betis é um daqueles times que está na zona de conforto na classificação, nem desce e nem avançará a alguma competição na temporada seguinte. O confronto tem tudo para ter uma vitória catalã, talvez com o tetra na Liga.

Relacionados