thumbnail Olá,

Zagueiro de Gana deve passar o fim de semana na prisão após suspeita de ato

O zagueiro da seleção de Gana, John Paintsil, foi preso nesta sexta-feira por esfaquear sua esposa, Richlove Paintsil, no olho. O pedido de fiança foi negado e o jogador provavelmente passará o fim de semana na prisão para a resolução do caso, segundo informações do Great Accra Regional Police Comand ao Goal.com.

De acordo com relatórios divulgados à rádio XYZ, Paintzil foi confronto por sua esposa após ela saber que ele se envolveu com prostitutas durante a Copa Africana de Nações realizada na África do Sul.

A alegação foi feita pela primeira vez pelo comentarista Appiah Kofi popularmente conhecido como Appiah Stadium, em entrevista a uma rádio.

Appiah alegou que o defensor veterano foi responsável por trazer as mulheres para a concentração dos Estrelas Negras para ter relações sexuais com eles e isso culminou na sua saída do time.

Paintsil, no entanto, negou a acusação e ameaçou colocar Appiah Stadium no tribunal para limpar seu nome.

O Diretor de Relações Públicas do Comando da Polícia de Accra, DSP Freeman Tettey disse:

"Este é um caso claro de causar dano a um ser humano."

"Ele vai ser levado a tribunal. Podemos assegurar-lhe isso. Estamos segurando ele por causar dano. Precisamos fazer as investigações corretas. É muito cedo para chegar ao reino de questões judiciais".

Segundo a polícia, Paintsil também atacou um vizinho que queria socorrer a esposa.

Richlove está em um hospital em estado inconsciente após os ferimentos graves no olho.