thumbnail Olá,

Presidente do Barcelona lembra trabalho das categorias de base e se esquiva sobre possível contratação de Neymar

É difícil imaginar que um clube esteja mais orgulhoso de seus feitos nesta segunda-feira do que o Barcelona, agraciado com várias honrarias na cerimônia da Bola de Ouro 2012, realizada em Zurique. Além de indicar cinco jogadores à Equipe do Ano, o World XI, o clube ainda esteve representado por Pep Guardiola, candidato vencido a Técnico do Ano, e, obviamente, pelo grande Lionel Messi, ganhador do maior prêmio da noite.

O presidente Sandro Rosell mal conseguia esconder a alegria ao final da festa.

"Me sinto orgulhoso por ser do Barcelona. Isto é fruto de um trabalho de mais de 33 anos nas categorias de base, e quero agradecer a todos que, de alguma forma, contribuíram para que hoje estejamos colhendo estes maravilhosos frutos", disse, conforme foi publicado no Mundo Deportivo.

Sobre o atacante argentino, ganhador da Bola de Ouro pela quarta vez consecutiva, o mandatário foi só elogios. E ainda arriscou a prever um quinto título de Melhor do Mundo para o camisa 10.

"[Messi] é um grande jogador, e também uma pessoa fantástica e encantadora. Ele demonstrou isso hoje, ficando nervoso ao precisar subir ao palco para pegar o prêmio pela quarta vez."

"Tentei provocar Florentino [Pérez, presidente do Real Madrid], mas a verdade é que não somos dessas coisas. E eu também sou daqueles que acredita em um quinto prêmio para Leo", acrescentou Rosell.

Por fim, o dirigente culé deixou no ar uma pergunta sobre a possibilidade do brasileiro Neymar, que também esteve presente na cerimônia de gala da FIFA, se transferir para o clube catalão no futuro.

"Só Deus dirá", encerrou o presidente.

Relacionados