thumbnail Olá,

Treinador admite possibilidade de deixar o clube ao final da temporada: "Sabia que estava assinando por seis ou sete meses"

Em busca do título do Mundial de Clubes para tranquilizar o início turbulento de seu trabalho no Chelsea, o técnico Rafa Benítez admite a possibilidade de ser substituído por um nome de maior aprovação dentro do clube. Questionado pela BBC Sport sobre o espanhol Pep Guardiola, o comandante dos Blues vê a possibilidade da contratação como um fato muito positivo para os atuais campeões europeus.

"Guardiola tem um retrospecto fantástico. Ficarei feliz se ele vier e ganhar muitos títulos", disse Benítez, que já imaginava a possibilidade de fazer um trabalho de curto prazo.

"Quando resolvi aceitar o convite, sabia que estava assinando um contrato por seis ou sete meses, e não pensava muito além disso."

A modéstia com relação ao próprio trabalho, porém, não tira de Benítez o desejo de conquistar a torcida blue, mesmo com toda a sua identificação com o rival Liverpool.

"Eu entendo o sentimento dos torcedores, por causa dessa rivalidade. Mas, quando a equipe melhorar, e jogar do jeito que eu tenho em mente, acho que muitos deles vão dizer que foram muito duros comigo, e que devo receber uma chance de retomar a confiança das arquibancadas e dos jogadores", concluiu o espanhol.

Os planos de Rafa passam necessariamente pelo título mundial, que entra em jogo a partir das 8h30m do próximo doming (horário de Brasília). Goal.com trará uma cobertura completa de tudo o que irá rolar em Yokohama. Não perca essa!

Relacionados