thumbnail Olá,

A equipe egípcia venceu o Sanfrecce Hiroshima, no Mundial de Clubes

O técnico do Al Ahly, Hossam El-Badry, foi só elogios aos seus comandados após a surpreendente vitória por 2 a 1 sobre os campeões japoneses do Sanfrecce Hiroshima nas quartas-de-final do Mundial.

Os egípcios, que jogaram poucas partidas oficiais este ano devido à suspensão do campeonato nacional, alcançou a vantagem no placar duas vezes apesar da neve e da perda do capitão Hossam Ghaly ainda no primeiro tempo.

"Estou muito feliz com o resultado. Hoje tivemos um jogo muito difícil. O Sanfrecce é uma ótima equipe, muito tática, e nós os estudamos bem. Nós fomos ao ataque e nos concentramos no gol porque eles estavam pressionando muito a saída de bola. Merecemos a vitória hoje," disse o treinador em entrevista coletiva depois da partida.

Depois de eliminar o Sanfrecce, que também perderam jogador por lesão (o goleiro Shunsaku Nishikawa foi substituído aos 9 minutos com um corte profundo no rosto), o Al Ahly agora se prepara para encarar o Corinthians na semifinal de quarta-feira.

"O Corinthians é um time grande e forte. Mas eu faço meu trabalho de casa. Hoje nós jogamos muito bem, e se jogarmos assim contra Corinthians, nos sairemos bem também."

El-Badry também falou sobre a situação política no Egito, que acabou ocasionando a suspensão do campeonato nacional.

"Nossa liga foi suspensa por questões políticas. Queremos voltar a ter um campeonato. Não sabemos o que vai acontecer, e por isso disputamos apenas partidas amistosas e fizemos o nosso melhor dadas as circunstâncias. Não só nós, mas todos os egípcios podem ficar orgulhosos pelo resultado de hoje," encerrou.

Relacionados