thumbnail Olá,

O treinador comentou sobre a época que treinou o meia do Chelsea

Antes de virar herói no Chelsea, o meia Ramires precisou mostrar futebol no Benfica e também no Cruzeiro. No futebol brasileiro, quando ainda tinha contrato com o Joinville e estava emprestado para a Raposa, o jogador contou com o bom olho de Dorival Júnior para mantê-lo no clube mineiro.

"O Ramires estava para ser liberado, emprestado ou devolvido ao Joinville. Foi a maior tacada da minha carreira, pelo imediatismo. Mas o técnico não descobre o jogador, só dá a oportunidade para o jogador aparecer. Nós tivemos a felicidade de observar o Ramires e, felizmente, deu certo", afirmou Dorival Júnior, em entrevista à Sportv.

O atual treinador do Flamengo também fez críticas ao futebol atual. "Hoje o empresário manda no atleta. A lei não permite o clube fazer um contrato maior que três anos. Quando o garoto desponta, o contrato está quase acabando. E o clube formador não tem como fazer um vínculo maior. É um erro na legislação que está penalizando os clubes."

Dorival comentou que antigamente uma das obrigações do técnico era montar uma equipe gastando o menos possível. "Eu sempre procuro a base, porque são jogadores que têm mais 'apetite', mais identificação com o clube."



Relacionados