thumbnail Olá,

Diretor do Nuremberg declara apoio ao brasileiro e cogita contratá-lo

O zagueiro Breno pode voltar aos gramados antes mesmo do fim da pena de três anos e meio na Alemanha. O jogador passa por processo de revisão e, ainda que a reversão da sentença seja improvável, a progressão para o regime semi-aberto é uma possibilidade viável.

Os advogados do jogador alegam erros durante o julgamento para tentar livrá-lo da prisão. Por outro lado, o Nuremberg acena com a contratação do jogador, proporcionando sua volta ao futebol e se responsabilizando por seus atos, uma vez que ele estaria liberado apenas para os compromissos da equipe, como jogos e treinos.

"Queremos que o Tribunal entenda que ele pode jogar futebol conosco. Mas só falar não é produtivo, porque a Lei tem suas definições", disse o presidente do Nuremberg, Martin Bader.

"Breno não pode mudar a Lei, mas tanto nós quanto o Bayern temos o interesse que ele saia o mais rápido possível."

Recentemente, o clube bávaro já havia manifestado apoio ao jogador, mas não ao ponto de sustentar sua volta ao futebol.

Relacionados