thumbnail Olá,

Renata Borges estuda reinvindicar 150 mil euros a Werner Leitner, que conduziu a defesa do jogador em julgamento por incêndio proposital

A esposa do zagueiro Breno, Renata, não concorda com a maneira como o advogado Werner Leitner conduziu a defesa do jogador, condenado em julho por ter incendiado a própria casa de maneira proposital. Segundo o diário Bild, ela ameaça processá-lo por erro estratégico no caso, exigindo 150 mil euros (R$ 394 mil) como parte do valor investido na contratação do profissional. Breno foi sentenciado a três anos e meio de reclusão na Alemanha.

Leitner argumentou, na época, que condenar o jogador por mais de dois anos e afastá-lo do futebol por este período poderia acabar com sua carreira, já que sua vida dependia de sua atividade profissional. A promotoria, no entanto, acredita que o jogador colocou a vida da família em risco com o incêndio, ainda que estivesse alcoolizado.

Na época do ocorrido, Breno se recuperava de mais uma das seguidas lesões que sofreu em sua passagem pelo Bayern de Munique, e estaria deprimido por estar afastado do futebol. Quando foi indiciado pelo crime, recebeu apoio do clube bávaro, que estaria disposto a facilitar sua liberação para que ele desse prosseguimento à carreira em outra equipe. A Lazio , assim como o São Paulo, chegou a ser especulada como um possível destino do atleta.

Relacionados