thumbnail Olá,

Ex-rossonero lembrou da importância do zagueiro para a equipe, mas não evita de criticar o mandatário

O torcedor rossonero deve comemorar a permanência do zagueiro Thiago Silva como um título, e o mesmo fazem os atletas que vestiram a camisa do Milan. O volante Gennaro Gattuso, que se transferiu recentemente para o Sion, da Suíça, disse que o presidente Silvio Berlusconi apreço pelo clube ao rejeitar a proposta do Paris Saint-Germain, que ofereceu R$ 120 milhões para tirar o brasileiro do San Siro.

O italiano, contudo, não deixou de fazer críticas ao mandatário por outros erros de gestão, e lamentou a delicada situação financeira na qual os milaneses se encontram.

"Mantendo Thiago Silva, Berlusconi mostrou que ainda ama o Milan, a despeito da situação financeira do grupo econômico que ele controla. São poucos os clubes que podem rejeitar uma oferta destas. Cassano estava certo quando disse: Thiago é um jogador importante demais para sair", começou, em entrevista à Rádio Mana.

"O Milan tem recursos financeiros escassos, mas já cometeu um erro ao deixar Andrea Pirlo sair [o meia se transferiu para a Juventus ao final da penúltima temporada]"

"É complicado, mas o Milan está pagando o preço da crise do grupo Berlusconi", encerrou Gattuso.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.
          

Relacionados