thumbnail Olá,

Gomez, Schweinsteiger e Boateng comentaram sobre o triunfo que garantiu a equipe na próxima fase

Cumprindo seu papel de favorita, a Alemanha venceu a Holanda e garantiu seu lugar entre as oito melhores equipes da Euro 2012, com uma rodada para o fechamento da fase de grupos. O atacante Mario Gomez, autor dos dois gols germânicos nesta quarta-feira, exaltou o alto nível da partida, e aproveitou para rebater as críticas que tem sofrido ultimamente.

"Foi inacreditável, era como se o tempo ficasse parado. Os holandeses foram agressivos na partida, mas sabíamos que estávamos bem protegidos por [Manuel] Neuer. Foi uma partida incrível", começou, em declarações à ZBF.

"Estou dando o meu máximo a cada partida. Os dois gols foram importantes, mas a equipe já estava me apoiando bastante. Não foi agradável fazer o gol da vitória contra Portugal e continuar recebendo críticas por três dias seguidos, mas eu não preciso desse tipo de motivação para fazer meu trabalho."

Para o meia Bastian Schweinsteiger, a vida do Mannschaft não vem sendo fácil, mas a equipe vem produzindo cada vez mais.

"Já não tinha sido fácil contra Portugal, quando jogamos bem, apesar de não termos sucesso ofensivo. Essa vitória contra a Holanda é fruto de muito trabalho, e acho que também fomos bem hoje."

"Cada vitória te motiva a ir além. Demos o segundo passo e agora também queremos vencer a Dinamarca. Mas vamos assim, um passo de cada vez."

Por fim, o defensor Jerome Boateng ressaltou a resistência demonstrada pela retaguarda alemã contra um forte adversário.

"Fomos firmes na defesa, mas tivemos alguns deslizes no primeiro tempo. No segundo, fizemos pouco para merecer a vitória mas, com sorte, vencemos. E isso é o mais importante", concluiu o jogador do Bayern.
            

Relacionados