thumbnail Olá,

Tchecos conquistam três primeiros pontos após revés na estreia

Por um momento, a vitória da República Tcheca sobre a Grécia correu risco, após a falha do goleiro Petr Cech que permitiu o único gol do adversário na partida. Ao apito final, o camisa 1 explicou o lance que permitiu que Gekas diminuísse a diferença.

"Eu vi Tomas [Sivok] esticar a perna, ele estava muito perto de mim e por um momento fiquei indeciso. Não reclamei para ele, estava apenas frutrado por ter dado a bola de presente", contou o jogador do Chelsea.

De qualquer maneira, os tchecos venceram por 2 a 1 e se mantêm vivos pela classificação, já que haviam sofrido a goleada para Rússia na estreia. Cech comemorou bastante o resultado, e já projeta a última partida da fase de grupos contra os donos da casa.

"Devo admitir: estou feliz e aliviado com o resultado de hoje. Começamos bem, principalmente nos dez primeiros minutos. Depois que a Grécia marcou, fomos bastante pressionados, mas não conseguiram criar, fizemos um grande trabalho defensivo."

"Vamos assistir ao jogo entre Russia e Polônia, mas, obviamente, o mais importante é se Tomas Rosicky poderá atuar no sábado", concluiu o arqueiro.
          

Relacionados