thumbnail Olá,

Jogadores de extremo destaque no time merengue são as principais esperanças de suas equipes no grande confronto deste sábado pela Euro

Alemanha e Portugal farão, neste sábado, o primeiro jogo que pode ser considerado como um clássico na Euro 2012. Como atração a parte desse encontro de gigantes pela principal competição europeia, o confronto de dois dos principais jogadores da vitoriosa campanha do Real Madrid na temporada: Mesut Özil e Cristiano Ronaldo.

A ALEMANHA NO RITMO DO MAESTRO

A Alemanha sentiu falta do brilho de Mesut Özil na eliminação da equipe na semifinal da Copa do Mundo de 2010. Até ali, o então meia do Werder Bremen era um dos grandes destaques do torneio na África do Sul, mas sumiu do jogo na derrota para a Espanha.

A verdade é que, apesar de Joachim Löw ter montado uma estrutura sólida, capaz de funcionar coletivamente e competir com qualquer seleção do mundo, o time alemão é outro quando Özil está em seu melhor. Ele dá o ritmo do jogo, faz a bola circular pelo meio-campo e encontra seus companheiros com passes precisos. Com Özil, a Alemanha pode jogar tanto em velocidade, como gosta, quanto trocando passes com cadência e paciência, comandada por seu grande maestro.

Diante de Portugal, Özil deve ser vigiado de perto pelos volantes lusos e, se não quiser sumir da partida, precisa movimentar-se, caindo pelos flancos do gramado para aproximar-se dos velozes companheiros de setor. Assim, terá chance de fazer a Alemanha brilhar e ganhar o confronto com seu colega e amigo de Real Madrid.

PORTUGAL É OUTRO COM O BRILHO DE CRISTIANO


Portugal não é exatamente a máquina azeitada que a Alemanha parece ser. O time português tem valores individuais de talento inquestionável, mas falta coesão coletiva, jogadas trabalhadas que façam o time jogar como time. O que faz com que a equipe portuguesa ainda assim não possa ser descartada é o potencial espetacular de sua maior estrela.

Cristiano Ronaldo talvez seja o grande candidato a craque dessa Euro. Em uma competição de tiro curto, ter um jogador passando por uma fase tão brilhante quanto a da estrela do Real Madrid pode ser o suficiente para enfrentar adversários de peso, como o que Portugal terá pela frente neste sábado.

Na seleção, Cristiano atua mais pelo lado esquerdo, assim como faz no Real Madrid. É por isso que especula-se que Löw escale Boateng para reforçar a marcação no setor. Mesmo que o jogador do Bayern tenha boa capacidade de marcação, é um duelo do qual Cristiano pode tirar vantagem, já que tem muito mais velocidade que seu oponente. Se isso acontecer, terá boas chances de superar o colega merengue no choque de estrelas deste sábado.

Relacionados