thumbnail Olá,

Meia converteu a última das cobranças de pênalti que manteve a Fúria no caminho do título

Quando tinha 21 anos, o meia Cesc Fabregas pôde ajudar a Espanha em uma de suas maiores conquistas recentes: a EURO 2008. Naquele ano, o jogador do Barça, então atuando pelo Arsenal, converteu o pênalti que deu a classificação à Fúria nas quartas-de-final do torneio, diante da Itália. Quatro anos depois, a memória daquele momento decisivo ainda lhe emociona.

No domingo, a Espanha estreia na edição 2012 às 13h, justamente contra os italianos.

"Lembro daquilo como um dos momentos mais lindos da minha carreira. Eu era muito jovem, aquilo foi  um passo muito importante que dei, no aspecto mental", contou ao Sport.

Os atuais campeões europeus são apontados como os favoritos ao troféu, mas Cesc prefere adotar um discurso mais humilde, lembrando as outras potências que duelaram em Polônia-Ucrânia.

"São muitos favoritos. Existem muitas equipes boas, cheias de grandes jogadores. Holanda, Alemanha, e a própria Itália são alguns favoritos ao nosso lado. Será muito difícil mas, se mostrarmos confiança a cada treino, e a cada partida, teremos chance. É assim que as coisas são nesse tipo de torneio", concluiu o espanhol.

Goal.com traz a cobertura em tempo real desse grande embate na EURO. Não fique de fora dessa!
             

Relacionados