thumbnail Olá,
Guia das cidades da Euro 2012: Varsóvia

Guia das cidades da Euro 2012: Varsóvia

Repleta de história, a capital polonesa renasceu das cinzas da IIª Guerra para se tornar um dos grandes centros culturais do mundo!

VARSÓVIA, POLÔNIA
População: 1,716,855
(Metro: 2,631,902)
Mote: Sempre invicta
(do latim, "Invencível")
Estádio: Estádio Nacional (58,145)
Principais Clubes: Légia Varsóvia, Polônia Varsóvia

Bem vindos a Varsóvia para a Euro 2012

Nomeada por causa de uma sereia que, dizem, vivia no Rio Vistula e seduzia tanto pescadores quanto nobres do século XII, Varsóvia renasceu das cinzas da IIª Guerra Mundial, quando teve mais de 80 por cento de seus prédios destruídos, para se tornar a nona maior cidade da Europa.

História

Guerras, guerras e mais guerras. Varsóvia assistiu a mais conflitos do que a maioria das cidades, a começar pela Grande Guerra do Norte de 1700. Em 1830, presenciou o Levante de Novembro, e não podemos deixar passar também o Levante de Janeiro de 1863.

Quando a cortina vermelha do comunismo isolou o Leste Europeu no começo do século XX, a Guerra Polaco-Soviética impôs um cerco a Varsóvia, que acabou sendo liberada com sucesso do Exército Vermelho de Trotsky. Isto até 1945, quando foi tomada durante a IIª Guerra e governada pelo comunismo por mais 44 anos.

Famosa por...

Suas Artes. Teatro, música, arquitetura. Diga algum evento, e a probabilidade de ele ter sido recebido em Varsóvia é grande. Muitos deles ainda ocorrem, em locais como a Orquestra Filarmônica Nacional (abaixo). No local, ocorrem eventos como a Competição Internacional de Piano de Frederik Chopin - o famoso compositor cresceu na cidade.



Onde ficar

La Regina:
Logo na esquina próxima à casa de Marie Curie, este hotel está localizado na "Cidade Nova" de Varsóvia, o que o torna perfeito para o turista mais ativo. Foi um dos muito prédios reconstruídos após a Guerra, e é considerado como um dos melhores serviços da cidade.

Rialto (foto):
O mais grandioso hotel da cidade, com acabamento em art decó e mobília trazida de casas de leilões de toda a Europa. E não estamos falando de qualquer loja de antiquários.

Witt:
Em busca de um lugar barato? Estes apartamentos práticos não abdicam do clima de 'velho mundo', e ainda assim são acessíveis para o torcedor que estiver apertado no orçamento. Fica a poucos metros da principal estação de trem, e é próxima a um restaurante de curry. O Witt serviu de cenário para o filme ganhador de vários Oscars: "O Pianista", de Roman Polanski.
Lugares para visitar

Lazienki Park:
Construído durante o reinado de Stanislaw August Poniatowski, no século XVIII, esse complexo de jardins e palácio é um ótimo lugar para perceber a sensação da 'velha' Varsóvia. E você ainda pode apreciar o belo trabalho de jardinagem, os canais e lagos.

Mercado da Praça antiga (foto):
O que você imaginar, você encontra no Mercado: vendedores ambulantes, cafés, lojas, galerias e alguns dos melhores restaurantes de Varsóvia. Aguarde ainda mais atrações assim que for dado o pontapé inicial para a Euro. Tudo isso cercado por casas de mercadores dos séculos XVII e XVIII.

Castelo Real (Zamek Krolewski):
Como a maioria das construções em Varsóvia, o Castelo Real foi destruído pelos alemães nos anos 1940, mas foi reconstruído na sua aparência original. Serviu de sede do governo da República das Duas Nações, estado que existiu entre os séculos XVI e XVIII e que abrigava os territórios de Polônia e Lituânia.
Você sabia?

Varsóvia é cotada para o título de Capital Europeia da Cultura de 2016. Os principais temas de sua candidaturã são "O Vistula: Rio das Possibilidades", "Cidade dos Talentos" e "Varsóvia em construção".

Caras famosas de Varsóvia

Marie Curie - Cientista mundialmente conhecida, vencedora não apenas um, mas dois Prêmios Nobel. Marie Curie é considerada a pioneira no uso da radioatividade, e creditada a uma série de avanços nas ciências médicas. Ela é a mãe do termo 'radioatividade', tanto que hoje existe uma unidade de medida denominada em sua homenagem.