thumbnail Olá,

Um dos poucos a falar no desembarque da Seleção, atacante do Fluminense disse que alguns colegas pareciam estar 'de férias'

Após a decepcionante campanha do Brasil no Sulamericano Sub-20, onde a Seleção acabou eliminada ainda na fase de grupos pela segunda vez na história - a outra foi em 1971 - o atacante Marcos Júnior, do Fluminense, foi um dos poucos jogadores a falar com a imprensa no desembarque. Visivelmente chateado com a eliminação, Marcos culpou a falta de comprometimento de alguns companheiros pelo vexame na Argentina.

"Vi jogadores chegando atrasados, treinando de sacanagem... O time perdia ou empatava e parecia que não estavam nem aí, chegavam cantando músicas. Isso incomodava. Parecia que não queriam nada. Alguns pareciam que nem queriam jogar, que estavam em outro lugar, de férias. E quando alguns não querem, não adianta. O Brasil não merecia mesmo passar de fase. Não foram todos, mas isso aconteceu. Foi uma tragédia. Fiquei muito triste de ter sido eliminado," disse.

O goleiro Luiz Gustavo, do Vitória, por outro lado, não quis polemizar.

"Complicado falar dos outros nesse momento. Não foi uma preparação como deveria ter sido. Acontece. Éramos nós que estávamos ali, mas também temos que assumir a responsabilidade. Erramos em alguns aspectos e bola para frente."

O Brasil acabou eliminado ao perder por 2 a 0 para o Peru, na sexta-feira. A Seleção estava defendendo o título, conquistado em 2011 pela geração de Neymar, Lucas e cia, que meteu uma goleada de 6 a 0 no Uruguai na final. Desta forma, o Brasil também não conseguiu vaga para o Mundial da categoria, que acontecerá na Turquia, em junho.

Relacionados