thumbnail Olá,

Treinador cita trunfos do adversário das quartas-de-final

Falta de tradição não é o mesmo que falta de bom futebol. É esse o pensamento do técnico Mano Menezes ao fazer menção ao time de Honduras, adversário do Brasil no sábado, pelas quartas-de-final dos Jogos Olímpicos de Londres.

O comandante da Seleção lembra que os 'vice-campeões' do Grupo D são perigosos, e fizeram por merecer a classificação.

"O adversário está invicto, ganhou da Espanha, e faz boas variações táticas com os mesmos jogadores", começou Mano, em declarações reproduzidas pela Folha de São Paulo.

"Tem dois atacantes rápidos, que se movimentam muito. É um adversário forte."

Na fase de grupos, Honduras empatou com Marrocos e Japão, empatando com os atuais campeões europeus sub-21 na segunda rodada.



Curiosamente, a última vez que o Brasil encarou Honduras foi em 2001, na Copa América, sendo eliminado da competição com uma derrota por 2 a 0. O técnico naquela ocasião era Luiz Felipe Scolari.

"E depois ele foi campeão do mundo", sintetizou Mano, lembrando como o treinador calou os críticos com o pentacampeonato em Coréia/Japão.

Brasil e Honduras se enfrentam às 13h de sábado, partida que Goal.com transmitirá em tempo real. Não perca!

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol

Relacionados