thumbnail Olá,

"É claro que o fato de ser o time anfitrião dá força, mas a Grã-Bretanha tem uma equipe experiente", disse o técnico

O adversário da seleção brasileira no amistoso desta sexta-feira, em Middlesbrough, tem cara de time improvisado, o que se explica pelo fato de apenas nos Jogos Olímpicos existir uma equipe da Grã-Bretanha (nas competições da Fifa, Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte competem separadamente). Ainda assim, Mano Menezes diz que se trata de uma seleção forte, com boas chances de conquistar alguma medalha na Olimpíada, e não apenas por jogar em casa.

"É claro que o fato de ser o time anfitrião dá força, mas a Grã-Bretanha tem uma equipe experiente", disse o técnico do Brasil. "Mesmo os jogadores jovens têm experiência, pois todos jogam entre profissionais, como ocorre no Brasil."

De acordo com o treinador, os times olímpicos do Brasil e da Grã-Bretanha têm um ponto em comum: a falta de tempo para uma preparação adequada. "Nós temos essa dificuldade e eles também têm, pois jogaram poucas vezes juntos, menos até do que nós", comentou.

E Mano não vê problemas em enfrentar em um amistoso uma equipe que poderá ser adversária do Brasil em uma disputa por medalha. "Nós não vamos enfrentá-los na primeira fase do torneio, só por isso aceitamos fazer esse amistoso", explicou.

Relacionados