thumbnail Olá,

Sulamericanos se destacam como artilheiros na temporada europeia

Brasileiros, colombianos, paraguaios e uruguaios terminaram a temporada em alta nas principais ligas nacionais do Velho Continente

O futebol sulamericano encerrou mais uma temporada em alta na Europa. Uma rápida passagem por algumas das principais ligas do Velho Continente revela que, em quase todas elas, sulamericanos estiveram entre os máximos goleados do ano.

Na Inglaterra, o uruguaio Luis Suárez, do Liverpool, foi o vice-artilheiro do campeonato, com 23 gols, três a menos que o holandês Robin van Persie, do Manchester United. Com um detalhe: Suárez não disputou os últimos quatro jogos por suspensão, e liderava a disputa pela chuteira de ouro quando foi sancionado.

Na Espanha, o argentino Lionel Messi segue reinando absoluto, batendo recorde atrás de recorde pelo Barcelona. Depois dele e do português Cristiano Ronaldo, aparece mais um sulamericano: o colombiano Falcão Garcia, do Atlético de Madrid, que surge em terceiro lugar na tabela de artilharia, com 28 gols marcados.

No último fim de semana, inclusive, os Colchoneros quebraram um jejum de 14 anos sem vitórias sobre o arquirrival, Real Madrid, batendo os Blancos no Santiago Bernabéu, por 2 a 1, para faturar a Copa do Rei. Os dois gols da equipe foram marcados por brasileiros: Diego Costa e Miranda.

O uruguaio Edinson Cavani foi, mais uma vez, artilheiro na Itália, com 29 gols marcdos. Na Alemanha, o veterano peruano Claudio Pizarro, do Bayern de Munique, tornou-se o terceiro maior goleador sulamericano em competições europeias.

Já em Portugal é onde os sulamericanos fazem mesmo a festa. A tabela de artilharia é dominada por sulamericanos: o colombiano Jackson Martínez, do Porto, aparece em primeiro, seguido pelo brasileiro Lima e pelo paraguaio Oscar Cardozo, ambos do Benfica.

Relacionados