thumbnail Olá,

Meninos da Vila tiveram campanha invicta na competição e destaque para o menino Neilton, o "clone" de Neymar

Os Meninos da Vila fizeram bonito mais uma vez. Com vitória de 3 a 1 sobre o Goiás, nesta sexta-feira, no Pacaembu, o Santos faturou a Copa São Paulo de Futebol Júnior, pela segunda vez. O primeiro título havia sido conquistado em 1984.

Os gols foram marcados por Pedro Castro, de pênalti, Neilton, com um toquezinho por cobertura cheio de categoria, e Giva. Arthur diminuiu para o Esmeraldino. Com toque de bola envolvente e jogadores técnicos, o Peixe dominou a final. Muito nervoso, o Goiás não conseguia manter a posse de bola o suficiente para assustar, com excessão dos primeiros minutos do segundo tempo, quando Arthur descontou.

O artilheiro Giva, o meia Léo Cittadini, os zagueiros Wallace e Jubal, o goleiro Gabriel Gasparotto, e, é claro, Neilton, o 'clone do Neymar', foram os nomes que mais se destacaram na campanha invicta do Santos.

Na fase de grupos, foram duas vitórias e um empate. Depois, no caminho para a final, o Peixe passou pelo Náutico (5 a 1), Grêmio Osasco (1 a 1 no tempo normal e 4 a 3 nos pênaltis), Audax-SP (1 a 1 e 4 a 3 nas penalidades) e Palmeiras, na semifinal (3 a 2 com show de Neilton).

De um camarote no Pacaembu, Neymar acompanhou a decisão da Copinha, e foi só elogios ao garoto Neilton, que cultiva o mesmo corte de cabelo do astro e é chamado de 'clone'.

"Fico feliz por ele. Grande menino. Tem tudo para ser um belo craque," avaliou Neymar.

Relacionados