thumbnail Olá,

Goleiro do time mineiro disse que venda do argentino Montillo dá ao clube condições financeiras mais vantajosas para formar elenco forte.

O dono da braçadeira de capital do Cruzeiro, o goleiro Fábio, disse que a venda do argentino Montillo tem um forte lado positivo para o time. De posse dos valores que giraram em torno da transação, a diretoria celeste tem mais horizontes para negociar a vinda de bons jogadores.

“O Cruzeiro fez o que tinha de ser feito, no momento que achou que era correto para dar estabilidade ao clube” disse o goleiro. “O Cruzeiro precisa vender para ter uma equipe forte. O torcedor agora pode cobrar que tem de ter uma equipe forte para conquistar títulos. A gente se desfez de um grande jogador para montar um grande time, disputar títulos e dar alegria ao torcedor”, declarou Fábio.

Fábio também se manifestou sobre as contratações do Cruzeiro. Até o momento, o time da Toca da Raposa já contratou 12 jogadores, entre eles Diego Souza e Dagoberto, enquanto uma barca de outros 13, que estiveram na temporada passada, deixaram Belo Horizonte.

“A equipe está se reforçando sim. Acho que o grupo ficou com mais opções em todos os setores, então acredito que nós temos grandes chances de fazer uma boa caminhada dentro de todas as competições. Creio que a equipe foi muito bem reformulada neste início de temporada”, disse o jogador celeste.

Em Belo Horizonte, a cobrança da torcida azul é grande. Desde que o Mineirão fechou as portas, há 2 anos, o Cruzeiro não conseguiu repetir as campanhas que comumente realizava, na briga pelos títulos do Campeonato Brasileiro e Libertadores, estando muito abaixo do esperado na tabela de classificação do nacional. Esse ano, contudo, sob o comando de Marcelo Oliveira, o time estrelado volta a jogar no Mineirão.

 

 

Relacionados