thumbnail Olá,

Treinador deu suas impressões sobre a festa de inauguração da Arena, e fez comentários breves sobre a próxima temporada

Por Matheus Harb - Direto da Arena Porto-Alegrense

O técnico Vanderlei Luxemburgo manteve um tom cauteloso na coletiva de imprensa após a vitória de 2 a 1 sobre o Hamburgo, que inaugurou a nova casa do Grêmio, a Arena Porto-Alegrense. Questionado sobre os planos da equipe para a temporada 2013, que começa já com as disputas do Gauchão e da fase pre-Libertadores, o treinador evitou falar em nomes dispensáveis ou posições para as quais sejam necessários reforços.

"A base já está montada, e sabemos o percentual que nos queremos acrescentar à equipe. Algumas coisas
vão acontecer, a sáida e chegadas de jogadores. Mas não quero entrar nesse mérito de quem precisa, quem
não precisa mais", começou.

"Estamos atentos ao mercado, algumas negociações já caminharam bastante. Vocês (imprensa) vão saber em breve."

Luxa aprovou a festa tricolor, que conseguiu um resultado positivo em seu primeiro jogo nos novos domínios. E disse que os jogadores terão de se adaptar ao estilo europeu do estádio, em que a torcida consegue se envolver ainda mais com a partida.

"A vitória foi importante, por toda a questão da festa, da inauguração. Mostramos um estádio muito moderno, bonito, de primeiro mundo".

"A torcida fica muito proxima do campo. A gente sabe que eles vão apoiar bastante, e os jogadores vão precisar mostrar muita personalidade para jogar aqui. Tem que chamar a mas tem que ter personalidade pra jogar aqui. tem que chamar a torcida pro seu lado."

O treinador gremista foi direto ao comentar a possível atuação do atacante Jardel, ídolo tricolor nos anos 90, com a equipe, em jogo que marcaria sua despedida dos gramados.

"Ainda temos que definir o elenco, o que vai ser feito em uma reunião. Mas sobre essa questão do Jardel, eu prefiro ser bem prático: ele não vai jogar comigo no Grêmio. Isso não cabe nesse momento. Prefiro ser direto a ficar enganando as pessoas."

Por fim, Luxemburgo afirmou que o Grêmio, seguindo a promessa do presidente Paulo Odone, vai brigar pela conquista do tricampeonato da Copa Libertadores na próxima temporada.

"Essa é a cobrança que o profissional tem que ter. Eu vim pra cá para ganhar títulos, e é isso que vamos continuar buscando. Levar o Grêmio à Libertadores era um objetivo nosso, até por esse estádio que foi inaugurado. A montagem de uma equipe forte vai da necessidade do Grêmio", concluiu.

Relacionados