thumbnail Olá,

"O Botafogo poderia estar numa situação bem melhor no campeonato. Então, na medida do possível, vamos tentar terminar o Brasileiro da melhor forma"

Apesar da certeza de um trabalho bem feito no Brasileirão, o Botafogo chega as três últimas rodadas do Campeonato com uma ínfima chance de classificação para a Libertadores. Segundo o treinador Oswaldo de Oliveira, isso seria muito pouco perto do potencial do elenco.

"O Botafogo poderia estar numa situação bem melhor no campeonato. Então, na medida do possível, vamos tentar terminar o Brasileiro da melhor forma, mesmo que a atual condição seja injusta e a vaga na Libertadores seja pouco provável", disse.

Oswaldo lembrou que o desempenho do Botafogo no Campeonato Brasileiro poderá também servir como importante estudo para a formação de um grupo que, em 2013, poderá alcançar os objetivos que neste ano ficaram no quase.

"Merecíamos mais pelo desempenho técnico da equipe ao longo de todo o campeonato. Mas com tudo o que aconteceu a gente vai tirando e somando para aproveitar e elaborar o futuro. Tivemos jogadores que entraram, que saíram e nós precisamos analisar tudo isso para dar mais consistência ao grupo", afirmou.

Mesmo muito questionado pela torcida ao longo de toda a temporada, o treinador manifestou o desejo de ficar em General Severiano. Mas tem como principal preocupação que seja mantida a base do atual elenco, seja com qual profissional que esteja no comando.

"Continuidade é a chave de tudo. O mais importante é manter a maioria dos jogadores. Sei que no futebol essa é uma luta inglória, pois o assédio de outros clubes é constante. Mesmo assim, torço muito para que o Botafogo resista e consiga manter uma base sólida para que o trabalho tenha continuidade e alcance o sucesso".

Relacionados