thumbnail Olá,

Segundo os advogados que representaram o clube carioca, Bichara Neto e Marcos Motta, o processo foi suspenso provisoriamente para que as partes tentem um acordo

A primeira audiência entre Ronaldinho Gaúcho e Flamengo chegou ao fim, na manhã desta quinta-feira, na sede do Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ). Segundo os advogados que representaram o Flamengo, Bichara Neto e Marcos Motta, o processo foi suspenso provisoriamente para que as partes tentem um acerto. Caso contrário, uma nova audiência deve ser realizada em 15 dias.

"O processo está suspenso por 15 dias para que as partes entrem em acordo. Dentro desses 15 dias as partes têm de informar a juíza se houve ou não o acordo. Não havendo, a juíza marcará outra audiência" - explicou Marcos Motta.

Ronaldinho, que estava acompanhado do irmão e empresário Assis, além dos advogados, deixou o Tribunal em meio a muita confusão. O empurra-empurra irritou Assis, mas provocou risos no meia do Atlético-MG.

"Estou tranquilo. Por mim tem acordo, mas vamos aguardar porque me pediram para ficar calado" - limitou-se a dizer o jogador na saída do TRT-RJ, respeitando o segredo de Justiça.

Na audiência, não chegou a se falar em valores para uma possível conciliação. No entanto, somadas, as duas ações movidas pelo jogador chegam a R$ 55 milhões.


Relacionados