thumbnail Olá,

"Este árbitro me tirou uma Copa do Brasil pelo Fla, contra o Ceará. Ganhávamos de 2 a 0 e ele também expulsou um jogador no primeiro tempo. Não gosto da arbitragem dele", relembrou

Em vez de criticar unicamente a arbitragem, o técnico Vanderlei Luxemburgo preferiu dividir a responsabilidade pela expulsão de Kleber com o jogador, no duelo entre Palmeiras e Grêmio - que acabou empatado em 0 a 0 - no sábado. No entanto, o técnico gremista lembrou do passado para afirmar que não gosta de Sandro Meira Ricci no comando de jogos.As informações são di site uol.com.

"Este árbitro me tirou uma Copa do Brasil pelo Flamengo, contra o Ceará. Ganhávamos de 2 a 0 e ele também expulsou um jogador no primeiro tempo. Não gosto da arbitragem dele. Falei somente que o Henrique [do Palmeiras] tinha feito 10 faltas, não xinguei de filho disso ou daquilo, e ele já ameaçou me colocar para fora se eu continuasse falando", reclamou Luxemburgo.

 O jogo citado por Luxa ocorreu em 11 de maio de 2011, pelas quartas de final da Copa do Brasil. O Flamengo havia perdido para o Ceará por 2 a 1 no Rio de Janeiro e precisava reverter no Presidente Vargas. Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves marcaram no primeiro tempo e o 2 a 0 parcial dava a classificação aos cariocas. No entanto o zagueiro Ronaldo Angelim acabou expulso e o alvinegro empatou em 2 a 2, ficando com a vaga.

No sábado, a expulsão de Kleber não irritou Luxa, ou o jogou contra o árbitro. O comandante de campo reconheceu que o jogador também errou no lance. Mas um possível pênalti esteve em pauta.

"Vou esperar para ver o lance, mas tenho a informação que foi pênalti naquele chute do Zé Roberto. Não quero falar sem ver, vou ver e depois posso afirmar com certeza", disse Luxa.

O momento referido ocorreu aos 44 do primeiro tempo. Marcelo Moreno tocou para Zé Roberto, que driblou o goleiro e tentou o chute. A bola bateu em Thiago Heleno. O protesto gremista é que teria sido no braço do defensor palmeirense, configurando pênalti não marcado.

O empate em 0 a 0, ao fim do jogo, chegou a ser comemorado pelos gaúchos, que seguem perseguição aos líderes do Brasileirão. A reapresentação gremista ocorre na segunda-feira. O próximo jogo será na quarta, contra o Atlético-GO, no Olímpico, às 20h30.

Relacionados