thumbnail Olá,

“Ele é inteligente. Quando o jogo está difícil, ele mexe nas peças e dá certo. A amizade dele com o grupo também é importante. Ele se dá bem com todo mundo”, disse

O técnico Cuca completa um ano de Atlético nesta quarta-feira e prepara a equipe para pegar o Coritiba, mesma time enfrentado em sua estreia na temporada 2011. O duelo com o Coxa será nesta quinta-feira, às 21h, no Independência. Para o volante Leandro Donizete, o comandante conduz o atual líder do Brasileiro em um ambiente favorável e tem mérito nas substituições durante as partidas.

“Ele é inteligente. Quando o jogo está difícil, ele mexe nas peças e dá certo. A amizade dele com o grupo também é importante. Ele se dá bem com todo mundo”, ressaltou.

O volante terá uma missão diferente no confronto com os paranaenses. Com a companhia de Serginho, ele terá menos liberdade para avançar ao campo ofensivo. “Estou acostumado a sair para o jogo e o Pierre fica mais. Agora, o Serginho tem uma saída de bola muito rápida e eu tenho que proteger mais a zaga. Eu vou ficar mais e proteger a defesa”, disse Leandro, ao comentar sobre a suspensão de Pierre e a escalação de Serginho.

O treinador alvinegro alertou para a mudança na postura da equipe com a alteração. "Tem uma diferença do Serginho para o Pierre. Ficamos com uma equipe mais veloz, mais rápida e mais ofensiva. A gente vai ter que diminuir o espaço do adversário. Isso foi falado para todos os jogadores. Vamos ter que ter uma sacrifício maior contra o Coritiba. A gente tem que tomar muito cuidado'", afirmou Cuca.

Relacionados