thumbnail Olá,

Ele teve uma reunião com o gerente de futebol, Cesar Sampaio, e afirmou sua vontade de se recuperar rapidamente para ajudar o clube a deixar a zona de rebaixamento

O meia Valdivia confirmou, nesta sexta-feira, que recebeu sondagens de um clube brasileiro. O chileno, porém, descartou trocar o Palmeiras por qualquer equipe do Brasil. Ele teve uma reunião com o gerente de futebol alviverde, Cesar Sampaio, e afirmou sua vontade de se recuperar rapidamente para ajudar o Verdão a deixar a zona de rebaixamento – o Mago tem um edema na coxa esquerda.

"No Brasil, só jogo no Palmeiras. Não quero sair para outro clube brasileiro. Tive essa conversa com o Sampaio para expressar o meu desejo. Estou bem, me sentindo tranquilo, e vou continuar me preparando para ajudar o Palmeiras a sair dessa incômoda situação no Brasileiro", disse Valdivia, em entrevista ao site oficial do Palmeiras.

O jogador não revelou qual clube o procurou. Ele já fez seis jogos neste nacional e se atuar mais uma vez não poderá se transferir para outra equipe da Série A. Como ele desfalcou o Verdão nos dois últimos jogos, um deles pela Copa Sul-Americana, contra o Botafogo, levantou-se a suspeita de que a lesão na coxa esquerda seria uma desculpa para evitar ultrapassar esse limite de jogos. Valdivia rebateu a suposição.

"As pessoas pensam e falam coisas que não sabem, mas existe a lesão. Fiz exames e estou com um edema na coxa esquerda. Fiz um movimento quando fui dar um chute na partida contra o Náutico e estou com a coxa inflamada. Mas estou me cuidando, vindo à Academia sempre em dois períodos e espero voltar já na próxima semana. Meu pensamento está inteiro em ajudar o Palmeiras no Brasileiro e na Copa Sul-Americana", disse o meia.

Com a lesão na coxa esquerda, Valdivia não enfrentará o Internacional, neste sábado, às 18h30, pela 14ª rodada do nacional, na Arena Barueri. Ele passará por um novo exame na próxima terça para saber se poderá encarar o Botafogo, na próxima quarta, também pelo Brasileiro.

Relacionados