thumbnail Olá,

Presidente da CBF conversou com os mandatários de Inter e São Paulo para encerrar o problema

O presidente da CBF, José Maria Marin, afirmou ao programa Bem Amigos, do Sportv, que participou da resolução do caso Oscar.

Marin chegou a conversar com os presidentes Giovanni Luigi (Internacional) e Juvenal Juvêncio (São Paulo) para resolver a situação.

"Eu entrei no circuito. Disse ao Giovanni que se ele autorizasse, falaria com o Juvenal. Qual a colocação que eu fiz aos dois: disse que queria ele jogando, não no tribunal, porque o Brasil precisa dele. Tenho quase certeza que ele será um dos convocados", contou Marin.

O presidente da CBF afirmou acreditar no futebol de Oscar. E segundo o dirigente, a tendência é que o jogador do Colorado vá para o exterior.

"Mas não duvide que dentro de poucos meses ele seja levado pelo futebol internacional", concluiu.

Relacionados