thumbnail Olá,

Volante vascaíno comentou com bom humor sobre lance que abriu o placar na final da Taça Rio

O lance do primeiro gol do Botafogo na decisão da Taça Rio teve participação decisiva da gandula, que repôs a bola rapidamente e permitiu a cobrança veloz que deixou Márcio Azevedo livre para cruzar para Loco Abreu. O volante do Vasco, Romulo, comentou sobre o lance, eximindo a gandula de culpa.

"Foi tudo muito rápido. Quando tem um lateral, normalmente, dá tempo de recompor a defesa. Mas naquela hora não deu nem para piscar. Ela mandou a bola tão rápido que quando a gente viu o Marcio Azevedo já tava entrando na área. Mas ela fez o trabalho dela. O problema é que com esse gol a gente teve que ir para cima e acabou se expondo muito mais. O placar não condiz com o que foi na realidade o jogo. Tivemos muitas chances também. Infelizmente, no futebol nem sempre se ganha", disse Romulo, em declarações publicadas no site Globoesporte.

"Vamos chamar os nossos gandulas para treinar com a gente (risos). Em São Januário, eles até demoram a repor a bola. E lá seria até melhor porque o campo fica próximo da arquibancada. Podemos sugerir que eles façam isso mais rápido, sim. Poderia ser bom para o time am alguns jogos", concluiu.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados