thumbnail Olá,

Técnico do Queens Park Rangers detona elenco "de baixa qualidade" e avisa que vai exigir reformulação geral para a disputa da Championship, a segunda divisão inglesa.

O treinador do QPR, Harry Redknapp, não perdoou seus comandados após a derrota em casa para o Newcastle, pelo placara de 2 a 1, afirmando inclusive que a atual equipe teria dificuldade para terminar na metade de cima da segunda divisão.

Os donos da casa saíram na frente com pênalti convertido por Remy, mas depois acabaram sofrendo o empate sete minutos depois também em penalidade, cobrada por Ben Arfa, e a virada ainda na primeira etapa com gol de Gouffran.

O comandante de 66 anos criticou duramente o elenco dos R's, descrevendo-o como "de baixa qualidade" antes de indicar que pretende fazer uma série de mudanças na próxima janela de transferências.

"O time de hoje não terminaria na metade de cima na Championship. Como você sabe quem irá sair? Bom, você precisa trocar as peças, não adianta só trazer mais pessoas", afirmou.

"É difícil trocar jogadores, mas você sempre pode conseguir com alguns que outros times querem. Trocar aqueles que você quer se livrar é sempre difícil", admitiu.

"A questão é a falta de qualidade, não caráter ou falta de trabalho. Eles somente tem pouca qualidade. Nós não colocamos qualidade suficiente nesse time, eles não são bons o suficiente", disparou.

"Precisamos fazer algo sobre isso. Será um trabalho difícil (nesse verão)".

José Bonsingwa, que falhou em ambos os gols do Newcastle, foi alvo constante de vaias vindas da torcida, mas Redknapp - que sacou o português no intervalo - se recusou a culpar o lateral pela derrota.

"Nós concedemos dois gols feios - horríveis, na verdade. Ele não cometeu erros de propósito.. cometeu, mas não porque queria. Não vou culpá-lo inteiramente (pelo resultado)".

"Eu o tirei porque você precisa ter a torcida de apoiando quando está atrás do resultado".

"As pessoas gastam seu dinheiro e todos nós lamentamos alguma hora - dirigentes, técnicos, jogadores. Os torcedores obviamente decidiram que não estavam satisfeitos com ele", finalizou.

Relacionados