thumbnail Olá,

Há três anos no City, italiano conseguiu superar o United na Premier League do ano passado

O futebol inglês continua sentindo a aposentadoria de Sir Alex Ferguson do Manchester United, anunciada na quarta-feira. Um de seus principais adversários nos últimos tempos foi o italiano Roberto Mancini, uma das razões pela qual o escocês não chegou a 14 títulos da Premier League, já que o City conseguiu o feito na temporada passada. Apesar da rivalidade entre os dois clubes, o técnico dos Sky Blues se diz honrado pela chance de ter tido o lendário treinador como adversário.

"Para mim, foi uma grande honra, e um prazer por ter competido contra Sir Alex durante estes três anos", disse em entrevista coletiva. "Foi uma grande honra tê-lo vencido no Old Trafford, e desejo boa sorte a ele no futuro. Mas não sei quais os motivos [da aposentadoria]."

"Todos têm sua opinião, mas o fato de um técnico ter ficado 27 anos nos mesmo clube, e ter vencido todos os titulos possíveis é realmente incrível. Não acho que teremos outro técnico como ele. É difícil dizer se Sir Alex é o melhor [de todos os tempos], mas ele é ao menos o melhor dos últimos 27 anos."

Ao contrário do que imaginou o meia Yaya Touré, Mancini disse não acreditar que a saída de Fergie vá mudar drasticamente a competitividade no futebol inglês, uma vez que ele construiu um legado duradouro nos Red Devils.

"Acho que um clube do tamanho do United pode trocar de técnico, mesmo alguém tão importante quanto Sir Alex, que construiu essa equipe, e continuar sendo um grande clube."

"[O United] tem uma grande história, não acho que isso vai mudar", concluiu.