thumbnail Olá,

Jogador confia que zagueiro tem muito potencial para seguir carreira como treinador depois de pendurar as chuteiras

Stewart Downing prestou homenagens ao zagueiro Jamie Carragher e revelou ter ficado surpreso ao ouvir que o jogador iria se aposentar no final da temporada.

Carragher tem sido uma figura importante no vestiário do Liverpool, mesmo que sua contribuição em campo não tenha sido tão grande quanto ele gostaria nas últimas temporadas.

Downing falou ao jornal The Mirror sobre a influência de carragher no vestiário.

"Fiquei tão chocado quanto todo mundo quando Carra anunciou que estava se aposentando. Ele foi incrível nos jogos das últimas semanas e pensei que talvez ele tivesse recuperado a vontade de continuar por mais um ano. Mas posso entender sua decisão, porque ele não é desses que gostam de ficar encostados - dá pra ver como ele fica frustrado quando não está jogando. Seria fantástico se conseguissemos acabar entre os quatro primeiros ou ganhar alguma coisa - para ele sair no alto.

"Deu pra ver o que a Copa da Liga ano passado significou pra ele, então seria legal ganhar alguma coisa por ele, e ainda temos a Europa League pela frente. Acho que um lugar entre os quatro primeiros é bastante realista se jogarmos como jogamos nos dois últimos jogos - Daniel Sturridge foi uma contratação incrível, trouxe muito mais dimensçao para o time com sua movimentação e gols.

"Se jogarmos como nos últimos jogos, temos uma chance. Perdemos pontos em partidas que deveriamos ter vencido, mas ainda temos muitos jogos ganháveis pela frente. Só precisamos de consistência," declarou.

Apesar de Carragher ter sinalizado que sua carreira como atleta acabou, Downins espera que o zagueiro permaneça envolvido no futebol, acreditando que ele tem atributos para se tornar um grande treinador.

"Carra tem grande potencial para ser um treinador, o jeito como ele pensa sobre o jogo e conhece tanto sobre todos os jogadores. Depois da derrota para o Oldham, não vou repetir o que ele disse no vestiário - você não quer saber - mas ele foi o primeiro a dizer alguma coisa. Com pessoas como Carra e Stevie Gerrard, quando alguma coisa precisa ser dita, é dita. Eles estão aqui há muito tempo e sabem exatamente o que o time precisa.

"Pergunte a qualquer zagueiro que já tenha jogado com ele. Dá pra ouvir ele falando até de fora do campo. Quando jogo na lateral, fico pensando 'Esse homem não para!',

"Alguns jogadores podem desligar nos jogos mas ele tá sempre atento, e não há muitos como ele por aí. É uma pena enorme que ele esteja parando, será uma grande perda para nós," encerrou.

Relacionados