thumbnail Olá,

Técnico acredita que regulação foi criada pensando justamente em frear o crescimento do Manchester City no país

O técnico do Manchester City, Roberto Mancini, acredita que as novas regras de fair play financeiro da Premier League foram feitas para podar o crescimento do seu clube.

As restrições recentemente acordadas irão seguir as regras do fair play financeiro já aplicado pela UEFA a nível continental, tornando mais difícil para clubes com forte investimento estrangeiro, como o Manchester City, 'comprar' o caminho para o sucesso.

"Não concordo. Se eu sou um homem rico, quero gastar todo o meu dinheiro com o meu time. Não concordo com isso, mas é a minha opinião pessoal. Se as regras forem essa, deveremos trabalhar desse jeito. Não podemos mudar as coisas. Precisamos comprar bons jogadores. Se quisermos fazer isso, precisaremos gastar dinheiro. Mas se trabalharmos rápido, poderemos achar bons jogadores sem precisar gastar muito," disse o italiano ao jornal Daily Mail.

Mancini acredita que o City foi feito alvo por times que perderam seus atletas por conta dos seus investidores bem conhecidos, o Abu Dhabi United Group.

"Fica claro que com essa regra, tudo será mais difícil do que era há 10 anos atrás. Mas se você dizer um bom trabalho, pode achar bons jogadores sem gastar 30 milhões de libras em um único atleta. Mas também é bem verdade que cada vez que o Manchester City se aproximar de alguém, se o valor do jogador for 10 milhões, para nós vão pedir 30. Deveria haver leis para impedir isso também," encerrou.

Relacionados