thumbnail Olá,

Técnico do Manchester United afirmou que o assistente tinha histórico de dar marcações contra o seu time

O técnico do Manchester United, Alex Ferguson, negou a acusação da FA (Football Association) sobre os comentários que fez contra o árbitro assistente Simon Beck após empate por 1 a 1 contra o Tottenham Spurs no ínicio do mês de janeiro.

Na ocasião, Ferguson tinha explodido e disse que o auxiliar tem tendência histórica de apontar marcações contra o United.

Ele foi acusado nesta terça-feira, mas foi solicitada uma audiência pessoal sobre o assunto com data ainda indefinida.

Após o empate contra os Spurs, Ferguson disse:

"Para mim, foi um mau desempenho dele. Ele nunca viu o pênalti para Wayne Rooney e algumas outras decisões também".

"Recordamos bem do seu tempo em jogos do Chelsea quando Didier Drogba tinha três metros de impedimento metros e deu posição legal", afirmou.

"Estou decepcionado com seu desempenho, eu realmente estou", acrescentou.

"Acho que ele teve um mau jogo e nunca tivemos qualquer coisa de que lado do campo. Tivemos um mau bocado", finalizou.

Relacionados