thumbnail Olá,

Meia argentino afirma que mesmo com a vantagem, equipe precisa seguir pontuando para garantir o título

O atacante argentino Lionel Messi afirmou que, mesmo com a vantagem do Barça na Liga, a equipe não pode relaxar porque ainda há muito caminho pela frente, e os rivais são muito qualificados:

"A Liga depende de nós graças a vantagem que nós construímos, porém não podemos relaxar. Já sabemos quem é o Atlético, que enfrentamos e é uma grande equipe. O Real Madrid nunca se pode dar por morto porque luta até o final e mais de uma vez conseguiram tirar grandes desvantagens. Não podemos relaxar", afirmou Messi ao site da FIFA.

Perguntado sobre as mudanças que observou depois da saída de Pep Guardiola e sua troca por Tito Vilanova:

"O que mudou é que Guardiola e Tito tem diferentes personalidades, diferentes maneiras de trabalhar com o grupo. Cada um tem suas ideias, porém na hora do jogo, do treino, é a mesma coisa que temos feito durante estes quatro anos", assinalou.

Messi se referiu como que o vestiário tem reagido aos problemas médicos de Abidal e Vilanova e disse que: "São situações tristes. Obviamente não pegaram de surpresa, porém ultrapassamos tudo isso. Sempre unidos, e graças a Deus as coisas foram saindo bem com Abidal e Tito".

Sobre sua marca em 2012, onde marcou 91 gols, assegura que foi um ano importante: "Foram importantes, independente da beleza deles", além de afirmar que considera mais importante o título da Copa do Rei sobre o Athletic.

Por último, Messi falou de seu ano com a seleção da Argentina, e pareceu bastante satisfeito com o rendimento na equipe:

"Mudou a seleção em si. As coisas vão indo bem e dependem de todos, não apenas de um jogador. E não é que as coisas não aconteciam pra mim, e sim a seleção que não estava bem, o conjunto, por vários motivos. Porém uma vez que se começou a vencer, tudo ficou mais fácil", concluiu.

Relacionados