thumbnail Olá,

Confiante no Barcelona, ala brasileiro afirma que tem condições de seguir rendendo na equipe

A vitória sobre o Valladolid no sábado teve um significado maior que as demais do Barcelona no ano: os jogadores foram unânimes em dedicar o resultado ao técnico Tito Vilanova, recentemente diagnosticado com um tumor na glândula parótida. O lateral-direito Dani Alves, por exemplo, lembrou do comandante nos 3 a 1 de ontem.

"Foi uma situação única para dedicar ao técnico, pelo problema de saúde que ele tem. No final das contas, o futebol é o que menos importa", disse aos repórteres após o jogo.

Embora tenha sido preterido por Vilanova em alguns jogos, o banco de reservas não incomoda o brasileiro.

"Tanto faz quem jogar, todos conseguem render ao mesmo nível, e a vontade de ganhar nunca falta à equipe. Com este time, podemos chegar a qualquer lugar com os olhos fechados."

Por fim, Dani falou sobre os boatos que dão conta de sua possível saída do Camp Nou. Mas não pareceu muito seguro de que isto irá acontecer.

"São apenas rumores. Se estou bem fisicamente, posso competir em qualquer lugar", acrescentou.

O líder Barcelona volta à ação no dia 6, no clássico contra o Espanyol, no Camp Nou.

Relacionados