thumbnail Olá,

Atacante colombiano foi o primeiro jogador da história do Atlético a alcançar o feito

O torcedor colchonero que compareceu ao Vicente Calderón neste domingo viu não só uma goleada épica e mais uma grande atuação de um Atlético que vem impressionando até aqui no Campeonato Espanhol; o torcedor viu a história sendo escrita.

Falcão Garcia tornou-se o primeiro jogador da história do clube a marcar cinco gols em um jogo da primeira divisão espanhola na vitória por 6 a 0 do Atlético sobre o Deportivo La Coruña. Um atropelamento sem dó nem piedade por parte de um time que vem sustentando a vice-liderança do campeonato muito bem, apenas 3 pontos atrás do líder Barcelona, que enfrenta o Bétis ainda neste domingo, mantendo-se cinco pontos na frente do poderoso rival, Real Madrid.

O primeiro gol saiu aos 23 minutos do primeiro tempo, marcado pelo brasileiro Diego Costa. Depois disso, só deu Falcão Garcia. O primeiro saiu aos 28, após assistência de Koke. O terceiro saiu aos 42, fechando o primeiro tempo em 3 a 0 com um golaço. Falcão soltou a bomba com efeito da esquerda da grande área. A bola fez uma curva e estufou a rede no lado oposto, sem chances para o goleiro.

Aos 18 minutos da etapa final, Falcão marcou seu terceiro do jogo de forma modesta: cobrando pênalti. Quatro minutos mais tarde, ele completou para o gol de cabeça, fazendo Atlético 5 a 0.

Parecia que estava de bom tamanho, mas um dos jogadores mais cobiçados do mundo atualmente não estava satisfeito. Aos 26 minutos, determinado a provar que vale cada centavo que clubes milionários por toda a Europa tentam pagar para tê-lo, Falcão recebeu na pequena área, driblou dois marcadores e bateu tirando do goleiro. Sexto gol do Atlético, quinto de Falcão, que chegou a 16 no campeonato em 15 rodadas, apenas 4 atrás de Lionel Messi.

Mas nem mesmo o astro argentino do Barcelona conseguiu a façanha de marcar 5 gols em uma mesma partida na Liga Espanhola. Messi alcançou o feito pela Liga dos Campeões, contra o Bayer Leverkusen, mas foi Morientes, atuando pelo Real Madrid, em 2002, o último a anotar cinco tentos, contra o Las Palmas, em uma goleada de 7 a 0.

Emocionado, Falcão recolheu a bola do jogo como recordação e foi aplaudido de pé pela torcida. Com o atacante cotado para reforçar o Chelsea em janeiro, eles podem não ter novamente a oportunidade de presenciar um feito deste tipo, mas o nome de Falcão já está na história do clube colchonero.

Uma grande preparação que deixa uma expectativa gigante para o próximo domingo, quando o Atlético encara o Barcelona no Camp Nou.

Relacionados