thumbnail Olá,

Nossa lista definitiva dos melhores jogadores de 2010-11 continua com o grande atacante colombiano, que fez muitos gols em todas as competições

Bem vindo ao Goal.com 50! Nessa série especial, editores de Goal.com ao redor do mundo votam para escolher os 50 melhores jogadores de 2010-11. Nós mostramos a lista até o anúncio do vencedor, no dia 22 de agosto, com perfis de cada um que ficou entre os 50 melhores...

Não são muitos atacantes que podem dizer que são uma verdadeira fonte de inspiração mesmo jogando em uma liga pequena como a portuguesa, mas Radamel Falcao é um desses raros casos. Junto com Hulk, Falcao formou uma das parcerias mais eficientes da última década, e seus feitos acabaram transformando-os em alvos da janela de transferências.

Mas assim como a maioria das bandas se separa depois de chegar ao topo, a dupla do Porto não deve durar: enquanto Hulk parece satisfeito em ficar, o colombiano está a caminho de sair do clube apenas dois anos depois de chegar ao Porto.

Curiosamente, Falcao começou a ser motivo de conversas em Portugal antes mesmo de ele chegar ao país. Depois de vários dias nos quais ele parecia prestes a chegar ao Benfica, o clube anunciou no dia 7 de julho que seu caso de amor com o colombiano havia resultado em um divórcio, depois que o atacante demorou demais para responder a uma proposta por seu futebol.

Mas a verdade é que o Porto havia batido na porta por Falcao, já que o clube procurava um substituto para Lisandro López, que havia saído para o Lyon. Apenas uma semana depois, ele seria contratado por 3,9 milhões de euros.

"Falcao seguirá o seu caminho, no Porto ou em outro lugar que ele queira, sempre ligado aos gols que ele marca de forma incrível".

- Técnico do Chelsea, Andre Villas-Boas

Haviam dúvidas a respeito da capacidade de Falcao en ter sucesso na Europa, já que ele não teve uma passagem muito impressionante pela Argentina, mas as preocupações desapareceram depois de apenas uma temporada, já que o atacante marcou 34 gols em todas as competições para que os torcedores passassem a ver a venda de Lisandro López como uma bênção para o Porto.

Mas apesar da grande forma, Falcao não conseguiu fazer com que o Porto conquistasse mais do que a Copa de Portugal, principalmente porque não contou com a parceria de Hulk em grande parte da campanha, depois da suspensão do brasileiro por uma briga na partida contra o Benfica.
.
MOMENTO DA TEMPORADA

 LIGA EUROPA
PORTO 5-1 VILLARREAL
O atacante colombiano comandou a incrível recuperação do Porto no segundo tempo com quatro gols em 45 minutos, para colocar sua equipe com um pé na final da Liga Europa.

Falcao iniciou sua segunda temporada marcando o segundo gol da vitória de 2 a 0 na Supercopa de Portugal. Sua forma não foi boa, porém, nos primeiros jogos da liga, marcando apenas dois gols em sete jogos. Dali em diante, ele se recuperou e apareceu sempre nos momentos decisivos: marcou na vitória de 3 a 1 sobre o Rapid Viena, o 5 a 1 e o 3 a 2 sobre o Villarreal e o 5 a 0 e o 3 a 1 contra o Benfica. Falcao também marcou o gol decisivo em Dublin, que deu ao Porto o título da Liga Europa sobre o Sporting Braga.

Ele marcou 38 gols, com dois hat-tricks e um jogo no qual marcou quatro gols. Ele também quebrou o recorde de Jurgen Klinsmann de gols em uma edição da Liga Europa ou Copa da Uefa, com 17 gols em 14 jogos. E podemos especular o que mais ele poderia fazer se não tivesse ficado de fora de 10 jogos em janeiro e fevereiro por causa de uma lesão no joelho que lhe tirou de uma partida contra o Sevilla pela Liga Europa, entre outras.

E se a tríplice coroa de Liga Portuguesa, Copa de Portugal e Liga Europa não é um trabalho único de Falcao, a contribuição do colombiano é inegável.

Após apenas duas temporadas no Porto, Falcao marcou 72 gols em 85 jogos em todas as competições e assegurou um lugar na lista dos artilheiros da história do clube, ao lado de nomes como Pinga e Fernando Gomes.

"Se a tríplice coroa de Liga Portuguesa, Copa de Portugal e Liga Europa não é um trabalho único de Falcao, a contribuição do colombiano é inegável".


Mesmo assim, a passagem de Falcao pelo Porto parece estar chegando ao fim, com o Atlético de Madri prestes a contratá-lo. O desejo do jogador de se provar em uma liga mais cmopetitiva vai contra a vontade do clube que ele permaneça, mas ele parece ser o vencedor dessa queda de braço.

A saída de Falcao criará um vazio no Porto que provavelmente demorará anos para ser preenchido. No mês passado, o presidente do clube, Pinto da Costa, afirmou que Hulk era o único jogador insubstituível de seu elenco. O tempo dirá que ele deveria considerar Falcao da mesma maneira.

Relacionados