thumbnail Olá,

Meia assinou seu último contrato com o clube Xeneize

O bom filho à casa torna: o meia Juan Román Riquelme foi apresentado nesta segunda-feira como reforço do Boca Juniors, quase sete meses depois de pedir para ser afastado do clube. Emocionado, o jogador de 34 anos expressou toda a sua felicidade em voltar ao clube que tanto ama.

"Foi um dia lindo, encontrei meus companheiros, o treinador e as pessoas do clube pelo qual tenho muito carinho, voltei para casa. Quando alguém volta pra casa e recebe tanto carinho, se sente muito bem", disse Román.

"Fiquei mal depois do último clássico (com o River Plate, derrota por 2 a 0), vivi como um torcedor. Tenho um sentimento muito grande por essa camisa, e fico mal quando perco um clássico."

Riquelme revelou que o Fluminense tentou contratá-lo para a disputa da Copa Libertadores, mas o negócio acabou não avançando. Com ânimo renovado, ele espera dar uma contribuição muito positiva para a equipe.

"Sentia que não tinha forças para jogar há alguns meses, e agora voltei a sentir vontade, estou contente e me sinto bem. Não sei se foi a conversa, foi algo no calor do momento, e falei com o treinador que queria voltar."

"Minha família me apóia em tudo, sou muito agradecido a eles e a meus amigos. Posso até estar um pouco louco, mas para jogar aqui você precisa ser um pouco louco. É o último ano da minha carreira, e espero cumprí-lo da melhor maneira. Tomara que possa trazer outro título para o clube neste ano e meio que me resta. Sempre tive bem claro que não gostaria de me aposentar agora", concluiu o meia.

Relacionados