thumbnail Olá,

Ex-Corinthians é acusado de envolvimento em esquema de lavagem de dinheiro liderado por traficante colombiano

O colombiano Freddy Rincón está sendo procurado pela Interpol por suposto envolvimento em lavagem de ativos e narcotráfico. O organismo internacional emitiu uma notificação vermelha para a captura imediata do ex-jogador de 46 anos, por delitos cometidos sob a jurisdição do Panamá.

O ex-Corinthians e seleção da Colômbia está sendo investigado desde 2006 por suposta ligação com o traficante Pablo Rayo Montaño, sob acusação de atuar como 'laranja' para investimentos do primeiro em operações de lavagem de dinheiro no Panamá. Ele chegou a ser detido em São Paulo, e confirmou a movimentação financeira, mas negou qualquer envolvimento com Montaño.

Em maio de 2012, Montaño foi preso na chamada Operação Oceanos Gêmeos, e a partir daí foi instaurado um novo processo contra o jogador de futebol, que recentemente participou de uma homenagem feita pelo América de Cali, clube no qual teve considerável sucesso nos anos 90.

Segundo a legislação da Interpol, a circular vermelha deve ser tratada como prioridade nos 147 países sobre os quais mantém jurisdição.
        

Relacionados