thumbnail Olá,

O atacante marfinense afirma que conversou muito com o técnico português antes de se decidir pelo clube turco

Didier Drogba, afirmou que se empenhará muito no novo clube e comentou que sofreu muita influência do treinador José Mourinho para aceitar a proposta do Galatasaray, da Turquia.

O marfinense assinalou que Mourinho foi fundamental na sua escolha, e admitiu que seu compatriota Emmanuel Eboue também foi determinante no acerto: "Antes de assinar, falei muito com Eboue e com Mourinho. Todos me disseram que o Galatasaray era um grande clube, apixonado e muito especial. Chegar aqui e jogar com Sneijder é uma mensagem para as grandes equipes da Europa. Quero vencer a Champions League de novo, faremos o nosso melhor diante do Schalke".

Sem seu número "11" disponível, o jogador explicou as razões pela escolha do "12": "O número remete a idade de minha filha", afirmou. Para finalizar, Drogba mandou uma mensagem para os torcedores turcos: "Os torcedores foram fantásticos na minha chegada a cidade, os agradeço muito", concluiu.

Relacionados