thumbnail Olá,

A despedida do holandês aconteceu nesta quarta-feira

Nesta semana, a seleção da Catalunha se despediu de Johan Cruyff, que estava na condição de treinador da equipe desde 1987. O holandês aproveitou para escolher Josep Guardiola como possível, e ideal, sucessor no comando.

"Guardiola é o homem ideal, mas é claro que ele ainda é bastante jovem. Parece que ele vai trabalhar na Inglaterra, e talvez ele não tenha tempo disponível", afirmou Cruyff, em entrevista.

Sobre o futuro, Cruyff diz não ter problemas. "Não precisa ficar preocupado comigo entediado. Eu tenho muito que fazer. Eu sempre me diverti bastante e acho que fiz um trabalho completo com os jogadores que montaram a seleção da Catalunha."

Relacionados