thumbnail Olá,

Ex-atleta tem servido como uma espécie de 'tutor' do jovem meia, e aponta adaptação como maior obstáculo para o sucesso

Uma das peças centrais da transferência do meia Lucas Moura ao Paris Saint-Germain é o ex-jogador Raí: o ídolo são-paulino dá dicas sobre o clube francês, onde fez história na década de 90, e alerta para a responsabilidade que o jovem jogador terá para justificar o investimento de mais de 100 milhões de reais feito pelos franceses para sua contratação.

"Ele é jovem, mas terá a cobrança pelos valores da transação. É um grande desafio pela frente", conta, conforme publicado no Terra.

A escolha por Paris, e não outro centro mais poderoso no futebol europeu, é vista como um acerto por Raí, que aponta as novas lideranças da equipe azul-e-vermelha como fundamentais no crescimento de Lucas enquanto futebolista.

"O PSG é um time que tem jogadores experientes como Thiago Silva e Ibrahimovic, que vão dar uma força para ele se impor."

"Ele chega para construir uma carreira lá e fez uma ótima escolha. O PSG está em um momento ambicioso, de querer novos títulos e ficar para a história."

Por fim, o ex-camisa 10 afirma que o novo reforço do PSG deve procurar se envolver com sua nova casa o mais rápido possível, tanto no clube quanto na capital francesa.

"A dica maior é para que ele se esforce. Ele tem de se esforçar a conhecer o outro país, fazer amigos franceses e não se fechar apenas em guetos brasileiros. Quanto mais você se abrir para uma nova cultura, mais fácil será essa adaptação", concluiu.

Lucas deixou o Brasil na madrugada de sábado para domingo, e será apresentado oficialmente no PSG ao longo da próxima semana.

Relacionados