thumbnail Olá,

Belga do Everton agrediu zagueiro do Stoke City, saiu impune e foi criticado pelo próprio treinador

Depois de ser publicamente criticado pelo próprio treinador por uma cabeçada em Ryan Shawcross no empate do Everton com o Stoke City, neste sábado, Marouane Fellaini se desculpou pelo lance.

A agressão do belga não foi vista pelo árbitro do jogo, Mark Halsey, e Fellaini acabou não sendo punido.

"Peço desculpas ao Ryan [Shawcross], aos meus companheiros e aos torcedores presentes no jogo de hoje," disse, através do site oficial do Everton. "Teve muito puxa-empurra dentro da área do Stoke e eu senti que os árbitros não estavam nos protegendo o suficiente," tentou se explicar.

Entretanto, Fellaini reconheceu o destempero.

"De qualquer forma, eu sei que não deveria ter feito aquilo. Quero também me desculpar com o treinador e o restante da comissão. Não há desculpas para o que eu fiz. Fiquei desapontado com a maneira como estava sendo tratado e perdi a cabeça, o que foi muito não profissional da minha parte," encerrou.

Fellaini é um dos principais jogadores dos Toffees na temporada, mas, mesmo assim, viu David Moyes, seu técnico, dizer após o jogo que ele merecia uma punição da federação pela agressão ao adversário.

Relacionados