thumbnail Olá,

Após virar vilão no Tottenham, após ser expulso aos 17 minutos do primeiro tempo do clássico contra o Arsenal, o atacante Emmanuel Adebayor pediu desculpas publicamente

Após virar vilão no Tottenham, após ser expulso aos 17 minutos do primeiro tempo do clássico contra o Arsenal, o atacante Emmanuel Adebayor pediu desculpas publicamente à torcida, que resultou na derrota por goleada por 5 a 2 para os Gunners. O jogador que havia marcado para o Tottenham poucos minutos antes, admitiu que prejudicou a equipe, que, no momento da expulsão, vencia o jogo por 1 a 0.

"Eu entendo perfeitamente que minha expulsão mudou o resultado do jogo. De todo o coração, eu peço desculpas aos meus companheiros, ao técnico e a todos os torcedores do Tottenham por desapontá-los".

O treinador André Villas-Boas não quis criticar Adebayor. Ele saiu em defesa do jogador e afirmou que não vai puni-lo pela situação.

"Eu não vou brigar com Adebayor ou multa-lo. É só um cartão vermelho. Cazorla é rápido, tirou a bola antes do pé de Ade bater no dele, e o árbitro tinha de tomar uma decisão. Ele decidiu dar o cartão vermelho, e nós aceitamos isso".

Relacionados