thumbnail Olá,

Atacante afirma que não prestou atenção no jogador do Nordsjelland e pede desculpas por quebrar regras do fair play

O atacante Luiz Adriano pediu desculpas por ter desrespeitado as regras de fair play durante a partida entre Nordsjelland e Shakhtar Donetsk, na última terça-feira, pela Champions League. Em comunicado oficial liberado pelo clube ucraniano, o jogador se disse arrependido de seus atos, os quais garante não terem sido uma atitude intencional.

Na ocasião, o atacante empatou a partida em 1 a 1 ao apanhar uma bola que deveria ser devolvida ao time norueguês. O Nordsjelland tinha um jogador caído no gramado, mas Luiz Adriano levou a bola para a área, driblou o goleiro, tocou para as redes e deu início a muita discussão. O Shakhtar venceu por 5 a 2 e garantiu vaga na próxima fase.

"Não vi o início do lance porque estava de costas para a bola, virado para o gol do adversário. Invadi a área sem saber o que tinha acontecido em nosso próprio campo. Estava muito focado no jogo, e nenhum defensor reagiu quando a bola caiu próxima de mim. Peguei a bola, driblei o goleiro e fiz o gol; sou um atacante, é o que eu devo fazer", disse o brasileiro.

"Depois, quando pude ver o replay e conversar com meus colegas, percebi o que tinha feito e mudei minha visão sobre o que aconteceu. Sinto muito pelo que aconteceu, peço desculpa a todos os torcedores e à UEFA."

Luiz Adriano aproveitou para se defender das críticas a seu caráter.

"Esse tipo de coisa nunca me aconteceu antes, sempre respeitei as leis de Fair Play."

"Mais uma vez, peço desculpas pelo que aconteceu e prometo que isso não irá se repetir. Estarei mais concentrado e atento em campo e vou respeitar as leis do jogo limpo", concluiu o brasileiro.

O atacante marcou mais dois gols após o lance controverso. A UEFA já abriu processo disciplinar contra o jogador.

"Once again I apologise and I promise that this will never happen again. I will be more focused and attentive on the pitch and I will abide by the rules of fair play."

Relacionados