thumbnail Olá,

Treinador também falou sobre a possibilidade de demissão em caso de incesso na Copa das Confederações

POR FERNANDO H. AHUVIA - DIRETO DE SÃO PAULO

Em entrevista coletiva concedida após o sorteio dos grupos da Copa das Confederações, o técnico do Uruguai, Oscar Tabarez, deu a entender que a sua seleção brigará pela segunda vaga do Grupo B. Para ele, a Espanha, adversária da estreia, deverá ficar com o primeiro lugar.

- É o rival mais difícil entre todos os participantes. É um orgulho e uma grande motivação ter a oportunidade de jogar esta partida. Entretanto, creio que o jogo decisivo para nós será contra o representante africano. Espero que tenhamos muita luz para poder passar à segunda fase, depois jogaremos com Taiti que é um time sem experiência, que não conhecemos. Mas, de maneira geral, estamos felizes com o sorteio – afirmou.

Questionado sobre a possibilidade de deixar o cargo caso não tenha sucesso na Copa das Confederações, Tabarez disse que isso depende do desejo dos dirigentes e não apenas do desempenho da equipe dentro de campo.

- Penso que na realidade do futebol atual, cada vez mais a decisão que envolve a continuidade ou não dos treinadores são mais parecidas com as do mundo empresarial que com as do mundo do futebol. Quando os diretores decidem que seria melhor com outra pessoa, a decisão é tomada e pronto. O último campeão da Copa dos Campeões, por exemplo, foi demitido – analisou.

          

Relacionados