thumbnail Olá,

Ilídio Lico, que só assume o clube em janeiro, revela vaquinha para pagar salários

Após entrar em greve por conta do atraso de salários, o grupo da Portuguesa voltou aos treinos nesta quinta-feira, no Canindé. Eleito presidente do clube na última segunda-feira para os próximos dois anos, Ilídio Lico prometeu pagar os jogadores.

"Eu garanti que vou pagar eles até sábado. Todo o dinheiro está aqui e vai ser pago aos jogadores. É  dinheiro meu e de outras pessoas que eu deveria falar o nome, mas não sei se eles querem que as esposas deles saibam. Os salários vão ficar em dia", afirmou  ele.

Lico só vai assumir oficialmente o cargo no dia 2 de janeiro, quando Manoel da Lupa, atual mandatário, deixa o comando do clube. Segundo ele, alguns detalhes não foram acertados entre os atletas e a atual diretoria. 

"Eu fui eleito na segunda-feira e assumo a Portuguesa oficialmente no dia 2 de janeiro. Eu achava que estava tudo certo, mas não estava. Ainda faltava discutir com os jogadores alguns detalhes, como prêmios e auxílio-moradia. Várias pessoas ajudaram. Vai ficar tudo bem", disse Lico.

No domingo, a Portuguesa recebe o Grêmio no Canindé, às 17h (de Brasília). A equipe precisa apenas de um empate para assegurar sua permanência na Série A do Campeonato Brasileiro. Se for derrotada, a Lusa só cai se o Vasco conseguir tirar uma diferença de 11 gols de saldo.

Relacionados